Lançado concurso para linha aérea entre Madeira e Porto Santo

O valor base é de 5,5 milhões de euros.

Foi lançado o concurso para a ligação aérea entre a Madeira e o Porto Santo, com um valor base de 5,5 milhões de euros.

“Atente-se que logo em outubro de 2021, quando já era legalmente possível lançar o concurso, a Secretaria Regional de Turismo e Cultura (SRTC) enviou uma carta ao Governo da República, acautelando a possibilidade do seu lançamento, enviando igualmente propostas de melhorias para o caderno de encargos, onde se incluíam as sugestões do município do Porto Santo e de empresários da área do Turismo daquela ilha. Em novembro, e novamente em fevereiro, a SRTC voltou a reforçar a necessidade do lançamento do concurso. No entanto, tal não viria a acontecer no período estipulado. A última concessão terminou a 24 de abril do corrente ano, tendo sido o contrato prorrogado por seis meses, por forma a garantir ininterruptamente as ligações entre o Funchal e o Porto Santo”, refere a Secretaria Regional do Turismo e Cultura.

O secretário regional do Turismo e Cultura, Eduardo Jesus, referiu que “a companhia aérea que efetuará a rota Porto Santo – Funchal – Porto Santo, nos próximos três anos, tem vindo a merecer a atenção do Governo Regional”.

Região lamenta atraso no lançamento do concurso

O governante lamentou o atraso no lançamento do concurso, e também “o facto de não terem sido atendidas” as reivindicações contidas nas propostas de alteração ao caderno de encargos apresentadas pela região, “que tinham em conta as necessidades específicas do Porto Santo, através de um cuidadoso processo de auscultação à edilidade e ao setor portosantense, realizado em junho de 2021, pela Secretaria Regional do Turismo e Cultura”.

Eduardo Jesus considerou que este assunto é de “primordial importância” para a região e, “em especial para os residentes na ilha do Porto Santo, que temos vindo a acompanhar de perto, considerando quer a necessidade, quer os benefícios que advêm da manutenção deste meio de transporte aéreo”.

Recomendadas

Zona oeste do Funchal vai ter 1.900 novas habitações nos próximos quatro anos

A revelação foi feita pelo Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Pedro Calado, na inauguração das instalações da “ZOME Madeira”, marca que substitui a “7M Real Estate” no mercado imobiliário regional.

Despesa do Governo Regional da Madeira aumenta 3,5% e receita sobe 5,9%

O Governo Regional atribui o aumento da receita à “evolução ascendente evidenciada essencialmente pela componente fiscal”, que ascendeu 9,1% (ou +26,3 milhões de euros), devido à recuperação evidenciada este ano após a pandemia.

Praia da Doca do Cavacas interdita a banhos

A interdição, que vai durar pelo menos até sexta-feira, deve-se à deteção de poluição nas águas do mar. A praia vai continuar aberta ao público mas condicionada à não utilização para banhos.
Comentários