Luís Cardoso leva ISEG ao olimpo da Formação Executiva

Luís Cardoso e Clara Raposo têm razões para sorrir. Catarina Paiva e Filipa Cristóvão também.

Luís Cardoso e Clara Raposo têm razões para sorrir. Catarina Paiva e Filipa Cristóvão também. Ainda não passaram três anos desde que lançaram a semente à terra e já começam a colher os resultados.

Justamente no dia em que no Quelhas se celebrava o 111.º aniversário do ISEG, chegou a notícia da estreia da Escola no ranking Executive Education do Financial Times 2022, o mais prestigiado do mundo, e logo nas duas vertentes: “open rank” e “custom rank”.

“Estamos muito satisfeitos com este desenvolvimento. É um passo crucial para nós em termos de reconhecimento e reputação”, salientou Luís Cardoso ao JE Universidades.

A fasquia foi traçada no verão de 2019 quando a recém eleita presidente do ISEG, Clara Raposo passou aos actos. Para afirmar a formação executiva, área estratégica para a centenária Escola, na sua perspetiva, foi à Universidade Católica e contratou a melhor equipa do país. Luís Cardoso tornou-se presidente do ISEG Executive Education, Catarina Paiva, assegurou a responsabilidade dos programas de inscrição aberta, e Filipa Cristovão ficou responsável pelos programas customizados.

“Temos que ser muito ambiciosos, muito determinados e muito resilientes”, afirmou Luís Cardoso, em setembro desse ano ao Jornal Económico. Agora, mal soube da notícia disse-nos que se tratava apenas do princípio. “Estamos determinados a continuar esta trajetória e ir bem mais longe. O ISEG tem historial e recursos, nomeadamente docentes, que nos permitem ter ambição elevada. Queremos vir a ser reconhecidos como um parceiro ímpar em Portugal para o desenvolvimento de pessoas e das organizações”.

O ISEG entra no olimpo da Formação Executiva global de forma notável, obtendo o 46.º lugar nos Programas Customizados e o 54º nos Programas Abertos.

Num ranking que lista as melhores Escolas de Gestão a nível mundial, o ISEG – Lisbon School of Economics and Management, da Universidade de Lisboa, junta-se à Católica Lisbon, à Nova SBE e à FEP | PBS da Univeridade do Porto, escolas com lugar cativo neste mundo. “Estou orgulhosa deste reconhecimento da nossa formação executiva, que é particularmente arrojada, no Top 50 de todo o mundo”, salienta Clara Raposo.

Recomendadas

Rússia diz que guerra só terminará quando ucranianos se renderem

A Rússia invadiu a Ucrânia em 24 de fevereiro para “desmilitarizar e desnazificar” o país vizinho, acusando Kiev de alegado genocídio de populações de língua russa na região do Donbass (leste).

Linhas de capitalização. Saiba tudo na próxima JE Talks, esta quinta-feira

Esta quinta-feira, às 17h00, o editor do JE José Carlos Lourinho conversa com líderes da consultoria para tirar o pulso aos programas e linhas de financiamento disponíveis.

Assista esta quinta-feira à JE Talks: Eficiência Energética

O Jornal Económico dinamiza esta quinta-feira uma conversa sobre as metas em torno da eficiência energética e quais os próximos passos que o tecido empresarial deve tomar. Assista a esta JE Talks moderada pelo editor do JE, José Carlos Lourinho a partir das 15h00.
Comentários