Luís Simões reforça na ibéria com centro logístico nas Baleares

A transportadora Luís Simões acaba de ampliar a rede de plataformas ibéricas, com a abertura de um novo centro de operações logísticas, no principal pólo industrial das ilhas baleares, em Marratxi, apenas a 18 quilómetros da capital de Palma de Maiorca. Uma aposta que vem dar continuidade à estratégia de crescimento da empresa portuguesa no […]

A transportadora Luís Simões acaba de ampliar a rede de plataformas ibéricas, com a abertura de um novo centro de operações logísticas, no principal pólo industrial das ilhas baleares, em Marratxi, apenas a 18 quilómetros da capital de Palma de Maiorca. Uma aposta que vem dar continuidade à estratégia de crescimento da empresa portuguesa no mercado ibérico.

O novo centro conta com 300 metros quadrados de área administrativa e 2.000 metros quadrados para a área logística, com duas docas de expedição e capacidade para 1.500 paletes. “Este espaço vem preencher as necessidades dos clientes locais através da prestação de serviços de logística integrada – como preparação de pedidos, receção e expedição de mercadoria para a rede comercial”, diz fonte institucional da empresa.

A aposta da Luís Simões na abertura desta unidade regional “permite oferecer aos clientes um serviço mais competitivo, na medida em que reduz em 24 horas o tempo espera, por comparação com o registado anteriormente, entre 48/72 horas, através dos centros da península ibérica”, adianta a mesma fonte.

O diretor de logística ibérica da Luís Simões, Vitor Enes, explica que “a abertura deste novo núcleo reforça o nosso posicionamento e reflete o trabalho que temos vindo a desenvolver internamente para nos adaptarmos às necessidades dos nossos clientes. Para além disso com este investimento ampliamos a nossa rede ibérica, o que nos consolida como o operador de referência ibérico”.

A Luís Simões é um operador logístico de referência, líder no mercado de fluxos rodoviários entre os dois países ibéricos. Gere uma frota de 2.000 viaturas (próprias e subcontratadas), e conta com cerca de 1.508 colaboradores. Presta serviços integrados de logística em toda a Península Ibérica, em mais de 20 armazéns que superam os 300.000 m² de capacidade instalada em 10 regiões diferentes da Península Ibérica. A LS iniciou atividade em Loures, em 1948, e está no mercado espanhol há mais de 25 anos.

OJE

Recomendadas

Emissão obrigacionista da Sonangol é “bem vinda” para a bolsa angolana

Segundo o responsável do Departamento de Desenvolvimento de Mercado da Bodiva, Nivaldo Matias, a iniciativa da Sonangol ainda não foi dada a conhecer formalmente à instituição, contudo, a decisão da petrolífera é “bem-vinda”.

Novabase suspende programa de recompra de ações

A tecnológica já tinha suspendido o programa em junho, tendo depois voltado a retomá-lo. Segundo informação publicada nessa altura, o programa estava previsto durar até 31 de dezembro de 2023.

Trabalhadores da Autoeuropa rejeitam pré-acordo laboral que previa aumento de 5,2%

Dos mais de cinco mil trabalhadores da fábrica de automóveis da Volkswagen, em Palmela, no distrito de Setúbal, só 3.865 exercerem o direito de voto, 2.007 dos quais votaram contra o pré-acordo e 1.826 a favor. Houve ainda 10 votos nulos e 22 brancos.