Madeira: 1.207 bordadeiras recebem 150 euros para auxiliar custos de produção

Este auxílio às bordadeiras pretende promover “o desenvolvimento, valorização e preservação” do Bordado da Madeira, face ao “relevante e imprescindível” papel que o bordado tem na entidade e na cultura da região, disse Humberto Vasconcelos, secretário regional da Agricultura.

São 1.207 bordadeiras que vai beneficiar de 150 euros para auxiliar os custos de produção. A entrega destas verbas começou esta segunda-feira.

“Esta decisão vem na sequência da prossecução de uma política adotada para o desenvolvimento, valorização e preservação do Bordado da Madeira, que o Executivo madeirense definiu como uma prioridade, por ser uma atividade muito enraizada na história do arquipélago, que constitui um relevante e imprescindível elemento da entidade e da cultura da região”, disse Humberto Vasconcelos, secretário regional da Agricultura.

O governante salientou que o auxílio às bordadeiras tem vindo a aumentar ao longo dos anos. Humberto Vasconcelos salientou que em 2018 esse apoio era de 50 euros e em 2019 passou para os 100 euros.

Recomendadas

A crise pode constituir também uma oportunidade

No meio das crises há também oportunidades. A conjuntura que a Madeira enfrenta perante a desvalorização do euro face ao dólar é exemplo disso.

Madeira cria estrutura de missão para implementar Gabinete de Representação em Bruxelas

Foram ainda aprovados no Conselho de Governo três contratos-programa de desenvolvimento desportivo (CPDD) do Plano Regional de Apoio ao Desporto (PRAD) 2021/2022, de 186,4 mil euros.

Saiba como navegar na internet em segurança

Fraudes, roubos de identidade e dados, phishing, fake news, ataques a perfis, entre outros esquemas podem “atacar” os utilizadores do mundo digital caso não tomem as devidas precauções.
Comentários