Madeira e Açores celebram protocolo bilateral para receber exposição de Catarina Branco

O protocolo estabelecido entre as regiões autónomas vai permitir que até junho de 2019 o Museu de Arte Contemporânea da Madeira tenha uma obra de Catarina Branco integrada na sua coleção.

DR

O Museu de Arte Contemporânea da Madeira (MUDAS) vai receber uma exposição de Catarina Branco no âmbito de um protocolo bilateral estabelecido entre a Madeira e os Açores. A inauguração realiza-se este sábado, a partir das 18h00.

No âmbito deste protocolo estabelecidos entre os museus de arte contemporânea da Madeira e dos Açores vai ser possível que até junho de 2019, venha a ser concebida uma obra, da autoria de Catarina Branco, para o MUDAS, que será depois integrada na colecção do museu.

Catarina Branco é dos Açores e é licenciada em Pintura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa. Já expôs no Centro de Arte Manuel de Brito, na Fundação Calouste Gulbenkian, no Museu Nacional Soares dos Reis, na Casa-Museu Marta Ortigão Sampaio, na Carpe Diem Arte e Pesquisa, na Galeria Belo-Galsterer, na Galeria Fonseca Macedo, na Universidade de Berkeley (EUA), no Centro Cultural CEEE Érico Veríssimo (Brasil), Museu Aloísio Magalhães (Brasil).

Recomendadas

Secretário da Economia considera que a Madeira tem “os melhores indicadores económicos de sempre”

A expetativa do governante é de que este ano a região melhore esses resultados, atingindo um novo máximo no PIB, e atraindo mais visitantes e comércio.

Grupo SATA integra projeto Cluster Grace Açores

Associados e membros do cluster partilham boas-práticas e desenvolvem sinergias com o objetivo de colocar os temas da Agenda 2030, 2050 e ESG (Environmental, Sustainability and Governance) como prioritários nas agendas das empresas.

Madeira: IHM renova campo de jogos do Bairro da Nazaré num investimento de 65 mil euros

A reabilitação daquele espaço e a introdução de um campo destinado à prática do Madeirabol, deverá constituir mais um polo de atração e recreio para os moradores, mas também para a população em geral.
Comentários