Madeira: IHM renova campo de jogos do Bairro da Nazaré num investimento de 65 mil euros

A reabilitação daquele espaço e a introdução de um campo destinado à prática do Madeirabol, deverá constituir mais um polo de atração e recreio para os moradores, mas também para a população em geral.

A Investimentos Habitacionais da Madeira (IHM) vai renovar um dos campos desportivos do Complexo Habitacional da Nazaré, num investimento de 65 mil euros.

Os trabalhos, que deverão ficar concluídos até ao final do mês de dezembro, vão permitir a instalação de uma quadra de Madeirabol, recuperar o espaço de Basquetebol e, paralelamente, reparar algumas situações de degradação ao nível das bancadas, acessos, vedação e iluminação, repondo o bom funcionamento de todo o conjunto.

As obras contemplam ainda a preparação do piso para a estabilização da base e aplicação de revestimento sintético, adequado para atividades polidesportivas amadoras.

As caleiras existentes serão igualmente reparadas, assegurando o bom escoamento dos caudais pluviométricos, bem como o poste de iluminação que se apresenta em mau estado.

De salientar que os espaços verdes envolventes serão também objeto de intervenção de reforço e valorização, com meios próprios da IHM.

A reabilitação daquele espaço e a introdução de um campo destinado à prática do Madeirabol, deverá constituir mais um polo de atração e recreio para os moradores, mas também para a população em geral.

Com esta empreitada, a IHM concretiza uma obra reivindicada pelos moradores, permitindo, sobretudo às camadas mais jovens, a prática de atividade física, num espaço desportivo com melhores condições e segurança.

Desde 2019, o Governo Regional, através da IHM, já investiu cerca de 2,5 milhões de euros em obras de reabilitação e manutenção do Bairro da Nazaré.

Recomendadas

Madeira: PCP reclama desenvolvimento e justiça social para zonas altas

Herlanda Amado referiu que não tem existido um verdadeiro investimento para garantir a qualidade de vida e segurança de quem vive nestas localidades, salientando que os problemas sociais têm-se agravado.

Madeira: Retribuição mínima mensal de 785 euros aprovada na especialidade

O diploma que fixa a retribuição mínima mensal, na Madeira, em 785 euros segue para votação final global. Em breve entrará em vigor na Região.

Madeira: Comissão de inquérito ao favorecimento de grupos económicos e ‘obras inventadas’ tomou hoje posse

Os membros da comissão têm até ao dia 7 de fevereiro para apresentar as propostas de metodologia de trabalho. A primeira reunião foi agendada para o dia 9 de fevereiro, e visa analisar as sugestões dos diferentes partidos na condução dos trabalhos desta comissão que vai investigar o alegado “favorecimento a grupos económicos e ‘obras inventadas’”.
Comentários