Madeira: Número de sessões, espetadores e receitas aumentam nos cinemas da Região

De qualquer modo, os valores dos primeiros nove meses de 2022 ainda estão longe do período homólogo de 2019, com o número de sessões, espetadores e as receitas a ficarem 25%, 45,8% e 43,9% abaixo desse referencial, respetivamente.

Nos primeiros nove meses de 2022, de janeiro a setembro, o número de sessões, espetadores e receitas aumentaram nos cinemas da Região Autónoma da Madeira, dizem os dados do Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA), publicados na Direção Regional de Estatística da Madeira (DREM).

Contabilizaram-se 9.911 sessões de cinema na Região Autónoma da Madeira (RAM), traduzindo um acréscimo de 73,3% face a igual período de 2021.

O número de espetadores foi de 115.565, aumentando 96,7% em termos homólogos, enquanto as receitas de bilheteira foram de cerca de 613 milhares de euros, crescendo 97,9% face ao mesmo período do ano anterior.

Recorde-se que na sequência das medidas de contenção da pandemia da Covid-19, os cinemas na Região encerraram durante os meses de fevereiro e março de 2021, o que ainda se refletiu nas variações acima apresentadas para o período em causa.

De qualquer modo, os valores dos primeiros nove meses de 2022 ainda estão longe do período homólogo de 2019, com o número de sessões, espetadores e as receitas a ficarem 25%, 45,8% e 43,9% abaixo desse referencial, respetivamente.

Reduzindo o âmbito de análise ao terceiro trimestre de 2022, constata-se que neste período registaram-se 3.612 sessões, menos 45 que em igual período de 2021. Por sua vez, registou-se um aumento de 13,6% no número de espetadores e de 14,5% nas receitas.

Recomendadas

Madeira: IHM renova campo de jogos do Bairro da Nazaré num investimento de 65 mil euros

A reabilitação daquele espaço e a introdução de um campo destinado à prática do Madeirabol, deverá constituir mais um polo de atração e recreio para os moradores, mas também para a população em geral.

Saiba que erros evitar na gestão das finanças pessoais

Faça um Plano Financeiro. Defina objetivos a curto, médio e longo prazo, mas que consiga cumprir. Quantifique-os e defina prazos. Calcule pequenas metas a curto prazo para os atingir e mantenha-se focado nesses objetivos, sem ser demasiado ambicioso.

Parlamento da Madeira pede inclusão das regiões autónomas no grupo que vai elaborar o Plano Estratégico da Pequena Pesca

“Para nós é fundamental que as Regiões Autónomas estejam salvaguardadas com uma presença efetiva, por forma a que possamos salvaguardar as especificidades da pequena pesca nas ilhas, que é diferente da que acontece no território continental”, aclarou Nuno Maciel.
Comentários