Madeira prevê inflação de 3,8% em 2023

Para 2022 o executivo madeirense espera uma taxa de inflação de 6,9%.

A Madeira prevê uma taxa de inflação de 3,8% em 2023, ficando abaixo dos 4% previstos para o país, destaca a proposta do Orçamento Regional da Madeira para 2023.

A previsão de inflação do executivo madeirense, para 2023, contrasta com os 6,9% de inflação para 2022, dos 1,1% de 2021 e de -1,4% de 2020.

Contudo, em 2022 e 2023, o Governo da Madeira está a trabalhar com taxas de inflação mais baixas em comparação com o Governo da República. A Madeira prevê 6,9% e 3,8% para 2022 e 2023 enquanto que na República fica em 7,4% e 4%.

A proposta do Orçamento Regional da Madeira salienta que entre junho e agosto de 2023 a taxa de inflação baixou dos 8,8% para os 8,1%, contudo esses valores estão distantes dos 2,9% de dezembro de 2021 e dos -1% de janeiro de 2021, conforme salientado pela proposta de orçamento regional.

Recomendadas

Assembleia da Madeira atribui Prémio +Valor Madeira a trabalhos académicos e científicos

O montante do Prémio é de cinco mil euros, podendo, ainda, haver lugar à atribuição de certificados a título de menções honrosas.

Governo da Madeira maximiza benefícios no Código Fiscal de Investimento

Rogério Gouveia apontou que, face à retração económica provocada pela crise pandémica, situação agravada pela guerra na Ucrânia, o Governo Regional, de coligação PSD/CDS-PP, considerou ser “fundamental a adoção de medidas de choque para a revitalização da economia”.

Socicorreia lança empresa na área da arquitetura

Com a Socicorreia Project, o proprietário receberá acompanhamento no momento de escolher e comprar mobiliário personalizado, de acordo com as suas exigências e tendências do mercado, na seleção de todos os equipamentos domésticos, e também em pormenores de decoração como a iluminação.
Comentários