Madeira: PS quer implementação de medidas de combate à polimedicação

Os socialistas querem que seja implementada na Madeira a norma da Direcção Geral de Saúde (DGS), de 2016, relativamente à reconciliação de medicação e também a implementação das necessárias funcionalidades nos Sistemas de Registo Electrónico dos utentes em uso na região.

O PS quer que a Madeira implemente medidas de combate à polimedicação, que é a utilização simultânea de vários medicamentos, o uso excessivo de medicação, ou ainda o consumo simultâneo de cinco ou mais medicamentos.

O projeto de resolução alerta que a polimedicação é um fator de risco para o bem-estar da população. Os socialistas referem que uma das formas de combater a polimedicação passa pela monitorização da adesão e gestão do regime terapêutico, pela reconciliação medicamentosa em “pessoas de maior risco” e no “momento de transição de cuidados” em que se inclui as consultas, transferências e altas.

Os socialistas pedem que na Madeira se implemente a norma da Direcção Geral de Saúde (DGS), de 2016, relativamente à reconciliação de medicação e também a implementação das necessárias funcionalidades nos Sistemas de Registo Electrónico dos utentes em uso na região.

[frames-chart src=”https://s.frames.news/cards/gastos-com-saude/?locale=pt-PT&static” width=”300px” id=”236″ slug=”gastos-com-saude” thumbnail-url=”https://s.frames.news/cards/gastos-com-saude/thumbnail?version=1572437623770&locale=pt-PT&publisher=www.jornaleconomico.pt” mce-placeholder=”1″]

Recomendadas

PremiumLesados do Banif à espera do sim político numa altura em que o tempo começa a pesar

A ALBOA disse estar “otimista” em relação à criação do grupo de trabalho, sublinhando que os membros desta estrutura “estão de boa-fé”. Só na Madeira há cerca de 900 famílias lesadas.

PremiumComo criar música com uma tela de pintura

A artista italiana Francesca Bringandí vive da sinestesia entre música e pintura. De 23 a 30 de outubro terá o seu trabalho exibido na Galeria Salita e, no dia da estreia, irá ainda produzir duas novas pinturas criadas ao som da música.

Madeira: Iniciativa Liberal acusa Miguel Albuquerque de tomar decisões que favorecem o “mundo mediático” sobre a realidade

O partido considera que esta é uma estratégia que não leva ao desenvolvimento nem à criação de riqueza e que o presidente do executivo madeirense “vive acobertado pelo imediato absoluto”.
Comentários