Madeira: Serviço Regional de Saúde visita Unidade de Ação Social do Hospital Garcia da Orta

A Unidade de Ação Social do SESARAM observou e conheceu a dinâmica e a metodologia de trabalho implementada na UHD do hospital e, em particular, a área de intervenção social.

O Serviço de Saúde Regional através da Unidade de Ação Social visitou, no passado dia 19 e 20 de setembro, o Hospital Garcia da Orta (HGO) em Lisboa.

A visita realizada pela coordenadora da Unidade de Ação Social do SESARAM, Márcia Assunção, e pela assistente social, Tânia Gonçalves, decorre com o propósito de observação das dinâmicas específicas da equipa multidisciplinar no contexto da Unidade de Hospitalização Domiciliária (UHD) do HGO, uma vez que esta unidade está em fase de implementação na Região Autónoma da Madeira.

A Unidade de Ação Social do SESARAM observou e conheceu a dinâmica e a metodologia de trabalho implementada na UHD do hospital e, em particular, a área de intervenção social.

Esta experiência permitiu às assistentes sociais acompanharem a equipa multidisciplinar do HGO, no trabalho desenvolvido com os utentes, desde a avaliação das referenciações até à intervenção de saúde.

A coordenadora da Unidade de Ação Social do SESARAM, Márcia Assunção, afirma que “a experiência interinstitucional foi profícua”, deixando um agradecimento ao Conselho de Administração do SESARAM e ao Hospital Garcia da Orta (Unidade de Hospitalização Domiciliaria/Serviço Social).

Recomendadas

Madeira: IHM renova campo de jogos do Bairro da Nazaré num investimento de 65 mil euros

A reabilitação daquele espaço e a introdução de um campo destinado à prática do Madeirabol, deverá constituir mais um polo de atração e recreio para os moradores, mas também para a população em geral.

Saiba que erros evitar na gestão das finanças pessoais

Faça um Plano Financeiro. Defina objetivos a curto, médio e longo prazo, mas que consiga cumprir. Quantifique-os e defina prazos. Calcule pequenas metas a curto prazo para os atingir e mantenha-se focado nesses objetivos, sem ser demasiado ambicioso.

Parlamento da Madeira pede inclusão das regiões autónomas no grupo que vai elaborar o Plano Estratégico da Pequena Pesca

“Para nós é fundamental que as Regiões Autónomas estejam salvaguardadas com uma presença efetiva, por forma a que possamos salvaguardar as especificidades da pequena pesca nas ilhas, que é diferente da que acontece no território continental”, aclarou Nuno Maciel.
Comentários