Madeira tem mais 252 casos ativos e 145 recuperados de Covid-19

A Madeira tem 1.549 casos ativos de coronavírus, 81 são importados e 1.468 de transmissão local. Estão hospitalizadas 34 pessoas (34 em unidades polivalentes).

A Madeira tem mais 252 casos positivos de Covid-19, que totalizam 16.625, e 145 recuperados, totalizando 14.950. Casos ativos passam de 1.445 para 1.549, indicam os dados da Direção Regional de Saúde (DRS).

Dos novos casos confirmados 15 são importados e 237 de transmissão local.

Foram confirmadas mais três mortes por coronavírus, totalizando 126.

Dos casos ativos 81 são importados e 1.468 de transmissão local. 100 pessoas estão em isolamento em unidade hoteleira, 1.415 no alojamento, e 34 estão hospitalizadas no Hospital Dr. Nélio Mendonça (34 em Unidades Polivalentes).

Existem 460 situações em estudo pelas autoridades de saúde, “estando estas relacionadas com viajantes identificados no aeroporto, contactos com casos positivos ou outras situações reportadas à linha SRS24 ou provenientes dos vários postos de testagem da região”, diz a DRS.

Em vigilância ativa devido a contactos com casos positivos estão 414 pessoas, e 35.000 pessoas estão também a ser acompanhadas pelas autoridades, com recurso à aplicação MadeiraSafe.

A Linha SRS24 (800 24 24 20) já recebeu 75.140 chamadas e a Linha de Apoio Psicológico da Direção Regional da Saúde (291 212 399) já realizou 3.976 atendimentos.

A operação de rastreio de viajantes nos portos e aeroportos da região já realizou 321.698 testes à Covid-19, e o laboratório de Patologia Clínica do SESARAM, EPERAM já realizou 760.390 testes ao coronavírus.

Já foram realizados 854.829 testes rápidos de antigénio, sendo que 780.618 foram no âmbito da operação de
testagem massiva da população.

Recomendadas

OE2023: PAN critica “rumo de desvalorização salarial” da função pública

A porta-voz do PAN criticou hoje a proposta de aumentos salariais para a função pública, apontando um “rumo de desvalorização salarial” e alertando que os funcionários públicos “viverão com menos recursos” no próximo ano.

OE2023: Iniciativa Liberal vai insistir no desagravamento de vários impostos

O líder da Iniciativa Liberal (IL) disse hoje, em Coimbra, que o partido vai apresentar cerca de uma dúzia de propostas de alteração ao Orçamento de Estado para 2023, que visam o desagravamento de vários impostos.

OE2023: “É insano pretender que a política orçamental seja a salvadora de todos”, diz coordenador da UTAO

Em entrevista à Lusa, Rui Nuno Baleiras, coordenador da Unidade Técnica de Apoio Orçamental (UTAO), defende que a política orçamental não pode anular o efeito da política monetária, sob pena de agravar as condições futuras.
Comentários