Madeira: Tome nota da animação de dezembro e janeiro

As festas na cidade do Funchal, capital da ilha da Madeira, começaram no dia um de dezembro e terminam no dia 8 de janeiro de 2017.

Desde aquele primeiro dia de dezembro, muito já aconteceu. Mas ainda existe muita programação para animar os últimos dias do ano e os primeiros dias do novo ano que aí vem.

No global, as festas programadas para 2016 assentam nas iluminações na baixa citadina e anfiteatro do Funchal e com exposições etnográficas e quadros vivos como o “Presépio de Natal 2016” e o “Mercadinho de Natal”, no passeio central da Avenida Arriaga, a “Aldeia Etnográfica”, no Largo da Restauração, e “O Natal das Crianças”, no Jardim Municipal.

Depois existe a programação específica para cada dia.

 

 

28 de dezembro – quarta feira

10h00 – 20h00 – Atuações de Bandas Filarmónicas e Grupos Folclóricos

(baixa do Funchal)

11h00 – 11h50 – Ensemble de Guitarras – Associação Regional de Educação Artística

(jardim norte do Palácio de São Lourenço)

17h00 – 17h50 – Coro Infantil – Associação Regional de Educação Artística

(passeio central em frente à Sé do Funchal)

18h00 – Concerto de Fim do Ano, pela Orquestra Clássica da Madeira

(Teatro Municipal Baltazar Dias)

19h30 – 20h30 – Atuação dos Black and White Dixieland Jazz Band

(jardim norte do Palácio de São Lourenço)

21h00 – 58.ª Volta à Cidade do Funchal em atletismo

 

29 de dezembro – quinta feira

10h00 – 20h00 – Atuações de Bandas Filarmónicas e Grupos Folclóricos

(baixa do Funchal)

11h00 – 11h50 – Orquestra de Bandolins – Associação Regional de Educação Artística –

(jardim norte do Palácio de São Lourenço)

17h00 – 17h50 – Coro Juvenil – Associação Regional de Educação Artística

(passeio central em frente à Sé do Funchal)

21h00 – Concerto pela Orquestra de Ponteado de Cordofones Tradicionais Madeirenses

(jardim norte do Palácio de São Lourenço)

21h30 – 19.º Festival de Coros de Natal “Natal no Funchal” – Orfeão Madeirense

(Igreja do Carmo)

 

30 de dezembro – sexta feira

10h00 – 20h00 – Atuações de Bandas Filarmónicas e Grupos Folclóricos

(baixa do Funchal)

11h00 – 11h50 – Coro Infantil – Associação Regional de Educação Artística

(passeio central frente à Sé do Funchal)

17h00 – 17h50 – Si que Brade – Associação Regional de Educação Artística

(jardim norte do Palácio de São Lourenço)

18h00 – Concerto “Com música para o Ano Novo” – Associação Amigos do Conservatório de Música da Madeira

(Teatro Municipal Baltazar Dias)

19h30 – 20h30 – Atuação dos Black and White Dixieland Jazz Band

(jardim norte do Palácio de São Lourenço)

21h30 – 19.º Festival de Coros de Natal “Natal no Funchal” – Orfeão Madeirense

(Igreja do Colégio)

 

31 de dezembro – sábado

10h00 – 20h00 – Atuações de Bandas Filarmónicas e Grupos Folclóricos

(baixa do Funchal)

11h00 – 11h50 – Ensemble Vocal Regina Pacis – Associação Regional de Educação Artística

(passeio central em frente à Sé do Funchal)

17h00 – Missa Final de Ano e Te Deum, pelo Coro de Câmara da Madeira

(Sé do Funchal)

21h00 – 04h00 – Espetáculo “Noite de Passagem de Ano 2016/2017”, pela Orquestra Ligeira da Madeira

(Praça do Povo)

24h00 – Espetáculo Pirotécnico de Passagem de Ano

1 a 8 de janeiro 2017

15h00 – 20h00 – Atuações de Bandas Filarmónicas e Grupos Folclóricos

(baixa do Funchal)

1 de janeiro 2017 – domingo

18h00 e 21h30 – Concerto de Ano Novo, pela Orquestra Clássica da Madeira

(Teatro Municipal Baltazar Dias)

5 de janeiro 2017 – quinta feira

20h00 – Casas do Povo da Madeira a “Cantar os Reis”

(espetáculo no Auditório do Jardim Municipal)

 

Recomendadas

Madeira promove conferências sobre património cultural imaterial da região

A primeira conferência dará mote ao tema “Património Cultural Imaterial: Conceitos, Domínios e Inventário”. A segunda conferência é intitulada “Ter começado é meio caminho andado”, e aborda o papel da Secretaria Regional de Turismo na preservação deste património.

Funchal já aprovou 160 mil euros dos apoios municipais “Alavancar” e “Re-Abrir”

No total, são 500 mil euros disponíveis, a fundo perdido, dos quais 32% estão aprovados.

Um senhorio pode aumentar a renda em mais de 50%? Saiba aqui

O aumento da renda da casa é uma das preocupações mais comuns e que, na verdade, resulta da subida da inflação. Mas, apesar de haver algumas exceções, dependendo de contrato para contrato, os senhorios têm de respeitar algumas regras para proceder ao aumento da renda.
Comentários