Mais quatro voos divergidos do Aeroporto da Madeira

Os aviões foram desviados para o Porto Santo. No total já são cinco os voos afetados pelas condições climatéricas que estão a condicionar o Aeroporto da Madeira.

Estão confirmados mais quatro voos divergidos do Aeroporto da Madeira, devido às condições climatéricas, para além do da Transavia com origem de Amesterdão que acabou por ser desviado para Canárias.

Os quatro voos, num total de cinco contabilizados até esta altura, foram desviados para o Porto Santo e vinham de Basileia, Bristol e Gatwick.

De recordar que a Madeira está esta segunda-feira sob alerta amarelo do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) devido ao vento forte para as Regiões Montanhosas e para a Costa Sul que duram até esta terça-feira.

A capitania do Porto do Funchal emitiu também um aviso devido ao vento forte e à agitação marítima.

Relacionadas

Condicionamento do Aeroporto da Madeira diverge voo para Canárias

Nesta altura dois voos estão à espera para aterrar no Aeroporto da Madeira. Dois voos da easyJet sofreram alterações nos horários de chegada à Região mas não estão relacionados com as condições climatéricas.
Recomendadas

Câmara do Funchal lança campanha gratuita de recolha de “monstros”

O Município justifica a importância desta campanha, dado o aumento da produção de resíduos na quadra natalícia que se avizinha e de forma a garantir uma maior proximidade com a população. Os munícipes deverão contactar as respetivas Juntas de Freguesias para a devida inscrição, de modo a solicitar a recolha dos “monstros” na sua residência.

Madeira: Movimento de passageiros nos aeroportos ficaram a mais de 30% acima dos valores de 2019

Entre janeiro e setembro de 2022, o movimento de passageiros nos aeroportos da RAM foi de aproximadamente 3.062,5 mil, significando um acréscimo homólogo de 134% e de 17% face aos valores registados nos primeiros nove meses de 2019. 

Madeira com défice de oito milhões de euros

À semelhança do ano anterior, mais de metade da despesa (51,9% da despesa total) foi canalizada para a área social, onde se destaca o sector da Saúde com uma execução orçamental de 280,3 milhões de euros e a Educação com 296,5 milhões de euros.
Comentários