Martín Tolcachir nomeado CEO Global do Grupo Dia

Tolcachir assumirá a estratégia da empresa a nível global e liderará a execução da estratégia de aceleração para o crescimento em todos os países onde opera, revela o grupo.

Martín Tolcachir foi nomeado CEO Global do Grupo Dia. Em comunicado a empresa dona dos supermercados Minipreço revela que “o Conselho de Administração do Grupo DIA, sob iniciativa do seu presidente Stephan DuCharme, aprovou a nomeação de Martín Tolcachir, até agora CEO da Dia Argentina, como CEO Global do Grupo Dia”.

Tolcachir assumirá a estratégia da empresa a nível global e liderará a execução da estratégia de aceleração para o crescimento em todos os países onde opera, revela o grupo.

“O novo CEO irá trabalhar lado-a-lado com Stephan DuCharme que, após concluir a fase de redireccionamento da empresa, manter-se-á estreitamente ligado à Dia e continuará a exercer as suas funções de Presidente do Conselho de Administração, de caráter não executivo”, refere ainda o comunicado.

Com esta nova estrutura de liderança corporativa, ao separar as funções de presidente e de CEO, “o Grupo Dia procura acelerar o seu crescimento sustentável e rentável, concentrando-se no desenvolvimento das suas prioridades estratégicas e mantendo uma relação cada vez mais próxima com todos os seus grupos de interesse”.

Nesta “renovada estrutura organizacional” do Grupo Dia, Martín Tolcachir, como CEO Global da empresa, será responsável por implementar a “renovada estratégia da Dia, garantindo a continuidade de uma estratégia que já está a dar frutos”.

A nomeação de Martín coincide com a chegada de uma nova etapa após a consecução de um marco importante “em que a empresa cumpriu substancialmente o seu plano estratégico de 2020 em 80% do seu negócio, que se encontra agora “em crescimento”, conforme anunciado nos resultados do primeiro semestre deste ano.

Neste novo quadro Espanha continuará a desempenhar um papel essencial no crescimento da empresa, já que é um mercado que representa mais de 60% do negócio do Grupo Dia e no qual a gestão irá apostar ainda mais nesta nova etapa. O CEO da Dia Espanha, Ricardo Álvarez, terá um papel fundamental na criação de crescimento e rentabilidade neste mercado para o Grupo Dia e contará com o total apoio de Tolcachir e do Conselho de Administração da Companhia, revela o grupo.

Stephan DuCharme, presidente do Grupo Dia, em comunicado, diz que “após a minha nomeação em março de 2020 como Presidente Executivo, estávamos conscientes que implementar o plano estratégico exigiria paciência e muito trabalho. Isto implicava desenvolver um novo modelo operativo de Grupo, baseado numa liderança nacional descentralizada, com poderes, com plena responsabilidade sobre os resultados, apoiada estrategicamente pela sede corporativa da empresa. Para além disso, era importante fortalecer as relações de confiança com todos os grupos de interesse”.

O gestor revela que “concentrámo-nos em oferecer uma proposta de valor diferenciada relativamente à nossa concorrência, um novo conceito de loja, a revisão do nosso sortido e a aceleração do desenvolvimento da nossa marca própria. Mas, acima de tudo, cimentámos as bases de uma nova liderança e uma sólida equipa de direção. Este plano estratégico já é uma realidade como prova a ascensão de Martín Tolcachir”.

“Estou profundamente orgulhoso de dar por concluída a fase de redirecção da empresa graças à grande equipa com que hoje contamos. Confio plenamente na capacidade de Martín para liderar este grupo de profissionais, apoiando-se no seu conhecimento da nossa empresa e da nossa cultura, na sua experiência anterior como CEO da Dia Argentina e outras multinacionais, assim como, na sua capacidade de enfrentar desafios como o da inflação”, conclui.

Licenciado em Administração e Gestão de Empresas pela Universidade de Buenos Aires e com um MBA pela IMD Business School, o novo CEO Global do Grupo Dia tem mais de 20 anos de experiência no setor da distribuição e grande consumo, em empresas como Carrefour ou Eletrolux. Ingressou no grupo Dia em setembro de 2020.

“Enfrento este novo desafio com enorme responsabilidade e entusiasmo, determinados a fazer com que a soma do trabalho de todos nós que compomos a Dia reforce o nosso foco no cliente e a estratégia de aceleração para o crescimento da nossa empresa. Para tal, continuaremos a apostar na proximidade, sem esquecer os valores que dão sentido à Dia, o seu forte compromisso social e o nosso firme compromisso com os franqueados ​​e fornecedores locais, bem como a digitalização e o comércio eletrónico como alavancas de reforço da proximidade”, revela Martín Tolcachir, novo CEO Global do Grupo Dia, na nota.

“Como CEO Global do Grupo DIA, estou empenhado em manter viva a nossa ambição de liderar a loja de bairro onde quer que operemos e ao alcance de todos. Tenho a certeza de contar com a melhor equipa de profissionais e a certeza de estarmos apoiados na paixão dos nossos colaboradores, franqueados e fornecedores, bem como no compromisso dos nossos clientes em continuar a construir o novo Dia que sonhamos ser”, diz ainda.

No início do mês a cadeia de supermercados Dia anunciou que fechou o primeiro semestre deste ano com um prejuízo de 104,7 milhões de euros, menos uma décima do que os prejuízos contabilizados até junho do ano anterior.

De acordo com o relatório de resultados enviado à Comissão Nacional do Mercado de Valores Mobiliários (CNMV), o grupo alcançou um volume de negócios líquido de 3.465,3 milhões de euros, mais 8,5% do que na primeira metade do ano anterior.

Tal como o Jornal Económico noticiou, o Grupo DIA, donos dos supermercados Minipreço, iniciou negociações para vender parte da sua operação em Portugal.

Recomendadas

Seca no rio Reno põe em risco transporte de mercadorias

Os patrões alemães consideram que o governo federal, juntamente com os vários estados federados, o sector da logística e as empresas industriais, “deve estabelecer um sistema de monitorização próximo para reagir prontamente” ao baixo nível das águas.

Falta de gelo? Mercadona sem limitação de vendas nas lojas em Portugal

Os supermercados em Espanha estão a limitar o número de embalagens de gelo que vendem por cliente, tendo em conta a escassez deste produto devido à maior procura por causa do calor e à menor produção provocada pelos preços da eletricidade.

El Corte Inglés vai aumentar produtos sustentáveis em 20% até 2025

O grupo retalhista espanhol conta com uma oferta sustentável distribuída por quatro segmentos: produto local; design e fabrico sustentável; origem sustentável e economia circular.
Comentários