Matos Correia: Caixa Geral de Depósitos ficará como um “case study de incompetência”

Na votação final do OE17, Matos Correia, do PSD, pediu responsabilidade política na gestão do dossiê da Caixa.

Cristina Bernardo

O deputado social-democrata fez a intervenção final do PSD neste debate do Orçamento e a Caixa Geral de Depósitos foi tema obrigatório: “A Caixa está há um ano num impasse por culpa exclusiva deste Governo e da sua desastrada gestão do dossiê. Alguém tem de ser responsabilizado politicamente”, afirmou Matos Correia.

Matos Correia pediu “responsabilidade política” na “desastrada gestão do dossiê da Caixa”. “Alguém tem de ser responsabilizado politicamente e tirar consequências políticas. A culpa não pode morrer solteira”, reforçou.

O processo que agora terminou na Caixa Geral de Depósitos ficará nos “anais da política como um case study de incompetência”.

Recomendadas

FMI estima que a espiral de salários-preços ainda é um “risco limitado”

A ausência de uma espiral preços-salários não deve levar os líderes a não agirem para combater a inflação persistente, considera ainda o Fundo Monetário Internacional.

Compra de carros de luxo pela TAP “é um problema de bom senso”, diz Marcelo Rebelo de Sousa

“Já falei em relação a várias entidades públicas no passado e em relação à distribuição de dividendos e em relação aos salários e entendo que quando se está num período de dificuldade deve fazer-se um esforço para dar o exemplo de contenção”, defendeu hoje Marcelo Rebelo de Sousa.

Albergaria investe 3,7 milhões de euros na zona industrial para captar investimento e criar emprego

O município “tem realizado um forte investimento no desenvolvimento económico, dinamizando o sector empresarial e a economia local” nos últimos anos, segundo António Loureiro, Presidente da Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha.
Comentários