Mau tempo: Aeroporto da Madeira começa a normalizar

O aeroporto da Madeira começa hoje a normalizar as operações depois de na quinta-feira nenhum avião ter conseguido aterrar ou descolar da pista devido aos ventos fortes.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera apenas mantém um aviso amarelo para o vento nas regiões montanhosa que se deverá manter ativo até ao meio dia.

Na quinta-feira, ficaram afetados 52 movimentos entre chegadas e partidas que deverão começar a ficar normalizados no dia de hoje.

Estão programados para hoje 33 voos, entre os quais alguns extra.

Fonte da TAP informou que vai realizar esta sexta-feira dois voos extra em Airbus A330, aviões com mais capacidade, para transportar o “maior número possível de passageiros” que ficaram retidos devido ao mau tempo.

O primeiro voo sai de Lisboa para o Funchal às 13:45 e o segundo às 19:00.

No sentido inverso, Funchal-Lisboa, o primeiro voo está previsto para as 16:15 e o segundo para as 21:30.

Também a companhia aérea espanhola Binter, que efetua as ligações regulares entre a Madeira e o Porto Santo, tem um voo extra para o dia de hoje.

Recomendadas

Músicos afegãos refugiados apresentam-se hoje ao vivo no festival Iminente em Lisboa

 Na génese deste projeto está a cooperativa cultural Largo Residências, de Lisboa, distinguida no ano passado com o prémio da Acesso Cultura na categoria de Acessibilidade Social.

Portugal está na frente na diretiva sobre plásticos de uso único

“Portugal está no pelotão da frente porque já transpôs grande parte” da diretiva e propôs até medidas bastante ambiciosas, por exemplo, em termos de redução de copos de bebidas e embalagens de plástico para ´take away´ (redução de 80% até final de 2026 e de 90% até 2030, tendo por referência os valores de 2022), diz o comunicado da Zero.
Comentários