PremiumMediadores querem BdP à frente da recuperação extrajudicial

Após quatro anos de esquecimento em que o IAPMEI nomeou apenas cinco mediadores de recuperação de empresas, associação defende que BdP assuma Regime Extrajudicial de Recuperação de Empresas.

Numa altura em que a subida generalizada de custos pode representar grandes dificuldades para o tecido empresarial nacional, os mediadores de recuperação de empresas (MRE) queixam-se do esquecimento em que permanece o mecanismo criado ainda no tempo da ‘troika’ e definido em 2018, o Regime de Recuperação Extrajudicial de Empresas (RERE).

Perante a inoperância do IAPMEI, que deveria ser o promotor deste instrumento, os profissionais pedem que seja o Banco de Portugal (BdP) o responsável.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta terça-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta terça-feira.

Revista de imprensa internacional: as notícias que estão a marcar a atualidade global

FBI realiza buscas na propriedade de Donald Trump em Mar-a-Lago, nos EUA; Rússia aponta as sanções dos EUA como motivo para não receber inspeções ao seu arsenal nuclear; governo espanhol vai levar ao tribunal constitucional as regiões autónomas que incumpram acordo de redução de consumo energético

Exportações de bens aumentaram 37,1% e importações 41,6% em junho

Em termos homólogos, as variações resultaram num aumento do défice da balança comercial na ordem dos 903 milhões de euros, revelou hoje o Instituto Nacional de Estatística.
Comentários