Mercado já mexe. Sporting garante Porro por 8,5 milhões

O Sporting CP já prepara a próxima temporada após ter garantido a qualificação direta para a Liga dos Campeões. Os ‘leões’ conseguiram fechar um dos ativos mais valiosos do plantel, o internacional espanhol Pedro Porro, de 22 anos, visto como um dos laterais direitos mais promissores a jogar na Europa.

Pedro Porro (17 milhões de euros)

Com o aproximar do final da temporada, o mercado de transferências já começa a dar sinal de algum movimento. O Sporting CP já terá acionado a opção de compra pelo lateral direito Pedro Porro, que assim fica em Alvalade para as próximas três temporadas, por uma verba de 8,5 milhões de euros, blindado com 45 milhões de cláusula de rescisão, mas com o City a reter uma opção de recompra de 20 milhões de euros, segundo o jornalista Fabrizio Romano.

O Sporting CP já prepara a próxima temporada após ter garantido a qualificação direta para a Liga dos Campeões. Os ‘leões’ conseguiram fechar um dos ativos mais valiosos do plantel, o internacional espanhol Pedro Porro, de 22 anos, visto como um dos laterais direitos mais promissores a jogar na Europa.

O pagamento ao Manchester City divide-se em quatro tranches, sendo que a primeira está prevista já em junho. O futebolistas passa a auferir 800 mil euros por mês, um aumento significativo face aos 500 mil euros que recebia até à renovação. Porro fica ligado ao clube ‘verde e branco’ até 2025.

O pagamento será feito em quatro parcelas e a totalidade terá de estar obrigatoriamente paga até final do contrato do jogador com o Sporting, em junho de 2025

No pior cenário do ponto de vista financeiro, o Sporting terá um encaixe de 11,5 milhões de euros, caso o Manchester City decida avançar com a opção de recompra — valor que não espelha o seu valor de mercado, 25 milhões de euros, segundo o portal Transfermarkt.

Recomendadas

Reabilitação do Centro Municipal de Desportos Náuticos de Coimbra já foi consignada

A primeira fase de reabilitação dos pavilhões do Centro Municipal de Desportos Náuticos de Coimbra, orçada em 338 mil euros, foi consignada hoje, revelou o município.

Mundial2022: Qatar retifica que morreram 40 trabalhadores nas obras dos estádios

Um porta-voz do Campeonato do Mundo de Futebol do Qatar retificou hoje o número anteriormente anunciado por um responsável de trabalhadores mortos na construção dos estádios para a competição, de “entre 400 e 500” para 40.

Mundial 2022. Qatar assume a morte de “entre 400 a 500” trabalhadores migrantes

“A estimativa é de cerca de 400” mortes de trabalhadores migrantes na construção dos estádios, de acordo com as declarações do principal responsável pela coordenação entre entidades públicas e privadas na construção dos estádios da competição. Estes números contradizem as estimativas de que terão morrido milhares de trabalhadores.
Comentários