Mercedes-Benz.io está a recrutar 140 pessoas para o novo escritório em Lisboa

“Queremos fazer de Portugal ainda mais conhecido no mundo. É por isso que o escritório servirá também para apresentações de produto”, referiu o CEO da Mercedes-Benz Portugal, Holger Marquardt, na apresentação do novo espaço tecnológico da empresa, no Parque das Nações.

Mercedes-Benz

O braço tecnológico da Mercedes, Mercedes-Benz.io, apresentou oficialmente esta segunda-feira o novo escritório da empresa em Portugal, que se localiza no Parque das Nações, em Lisboa. O novo espaço, cujo investimento não foi revelado, tem cerca de mil metros quadrados, capacidade para receber aproximadamente uma centena de funcionários e um objetivo claro: ser uma montra da fabricante automóvel para o mundo.

“Queremos fazer de Portugal ainda mais conhecido no mundo. É por isso que o escritório servirá também para apresentações de produto para as quais vêm pessoas de todo o mundo. A Mercedes-Benz acredita que Portugal tem todas as condições para servir clientes internacionais e ter centros de competência. Tem tudo o que é preciso para o futuro”, defendeu o CEO da Mercedes-Benz Portugal, em conferência de imprensa no Hotel Myriad by SANA Hotels.

Holger Marquardt lembrou que, até 2025, a multinacional tem a ambição de ter todos os modelos com uma versão 100% elétrica e que os veículos elétricos representarão 50% da quota de mercado. “Este ano em Portugal estamos perto do alvo, com 44%”, referiu. “Esta é uma marca apaixonante, pela imagem e confiança que tem”, sublinhou o CEO.

Neste contexto, o ministro da Economia e do Mar reforçou: “Não nos enganemos: estamos a enfrentar desafios muito difíceis e as alterações climáticas são um deles”. Após mencionar que o país tem um ecossistema tecnológico e de inovação composto por mais de duas mil startups e parcerias entre as universidades e as empresas, António Costa Silva concluiu: “o casamento entre a Mercedes e Portugal é o casamento certo”.

Fez em maio cinco anos desde que a Mercedes-Benz.io anunciou a entrada em Portugal. Hoje, esta estrutura possui uma equipa com 330 profissionais em Lisboa e em Braga (onde estão 50 desses funcionários).

“Temos estado a crescer desde 2017. Estamos a recrutar 140 pessoas. O crescimento vai crescer nos próximos dois anos. É a confirmação de investimento. O espírito deste país na transformação digital é muito claro para nós”, disse Silvia Bechmann, CEO da Mercedes-Benz.io.

A “founding mom” desta unidade tecnológica da Mercedes, Sabine Scheunert, vice-presidente de Digital e Marketing de TI e Vendas da Mercedes-Benz, não se poupou a elogios à casa: “É uma marca icónica que muda o modo como as pessoas se movem. É um símbolo de tecnologia e luxo. As tecnologias de ponta não estão só dentro dos carros, mas nas operações da empresa”. Contextualizando que estratégia de descarbonização da Mercedes é uma das mais ambiciosas do sector automóvel, atirou: “O luxo de amanhã é certamente o sustentável”.

Recomendadas

Binter e Embrar fecham compra de cinco novas aeronaves por mais de 369 milhões de euros

As duas primeiras unidades estão previstas para chegar às Ilhas Canárias em novembro de 2023.

Manuel Champalimaud compra à Novares a área de injeção de plásticos para a indústria automóvel

A aquisição visa reforçar posição do Grupo Champalimaud no sector dos componentes de plástico decorativo e de interface para a indústria automóvel.

PremiumAmazon diz que “continua a fazer investimentos” de cloud em Portugal

A empresa norte-americana de computação na nuvem Amazon Web Services (AWCS)está a desenvolver um centro de dados no país, mas não se compromete com uma data de abertura.
Comentários