Ministra da Defesa da Alemanha pede demissão

Christine Lambrecht apresentou a demissão ao chanceler alemão, Olaf Scholz.

A ministra da Defesa alemã, Christine Lambrecht, apresentou a demissão ao chanceler do país, Olaf Scholz, esta segunda-feira.

“Hoje peço ao chanceler que me dispense do cargo de ministra federal da Defesa”, informou Lambrecht, em comunicado.

“A concentração dos meios de comunicação na minha pessoa durante meses não permite elaborar relatórios e discussões objetivas sobre os militares, o Bundeswehr (Forças Armadas alemãs) e orientar políticas de segurança que sejam do interesse dos cidadãos alemães”, afirmou Christine Lambrecht durante a declaração à imprensa, em Berlim.

As principais críticas contra Lambrecht relacionavam-se com a forma como a ministra pretendia modernizar as Forças Armadas, assim como as questões relacionadas com o abastecimento de armamento alemão à Ucrânia.

Recomendadas

Presidente dos EUA deu ordem para Força Aérea abater balão chinês

Pequim admitiu que o balão lhe pertence, mas garante que se trata de “um dispositivo civil para fins meteorológicos”.

Balão chinês foi abatido por caças da Força Aérea dos Estados Unidos

De acordo com fontes militares, está em curso uma operação para recuperar os destroços do balão abatido sobre as águas da costa leste dos Estados Unidos, quando voava a 60 mil pés.

Zelensky insiste com primeiro-ministro britânico que Rússia “não tem lugar” nos Jogos Olímpicos de Paris

Por seu lado, Sunak explicou ao presidente ucraniano que o Reino Unido está agora focado em “garantir que o equipamento militar defensivo” do país “chegue à linha da frente o mais rapidamente possível”.
Comentários