Miranda e SMFC assessoram projeto de hidrogénio e amoníaco verdes em Sines

A ser implementado na Zona Industrial e Logística de Sines, prevê a instalação de 500MW de capacidade de eletrólise. O consórcio é formado pelas empresas portuguesa e neerlandesa Madoqua Renewables e Power2X e pelo fundo dinamarquês Copenhagen Infrastructure Partners.

Nasa – Unsplash

As sociedades de advogados Miranda & Associados e Sousa Machado Ferreira da Costa & Associados (SMFC) prestaram assessoria jurídica ao projeto de mil milhões de euros para produção de hidrogénio e amoníaco verdes em Sines, designado MadoquaPower2X.

O projeto, a ser implementado na Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS) com uma instalação de 500MW de capacidade de eletrólise, advém de um consórcio formado pelas empresas portuguesa e neerlandesa Madoqua Renewables e Power2X e pelo fundo dinamarquês Copenhagen Infrastructure Partners.

A Miranda apoiou a Madoqua e a Power2X, através de uma equipa multidisciplinar liderada pelo sócio Nuno Antunes, co-coordenador da área de prática de Energia e Recursos Naturais. As sócias Maria João Mata e Rita Lufinha Borges, a of counsel Sara Castelo Branco, a associada sénior Catarina Santinha e os associados Catarina Campelo, Luís Leão Neves e Salomé Freitas também participaram na operação.

“Este é o tipo de projeto complexo no sector da energia, incluindo em matéria de transição energética, em que a Miranda se tem destacado nas várias jurisdições em que está presente”, comentou Nuno Antunes.

A SMFC esteve ao lado da Copenhagen Infrastructure Partners com um grupo de advogados liderado pela co-coordenadora da área Corporate/M&A, a associada Inês Maltez Fernandes e pelo sócio Manuel Ferreira da Costa.

“Foi com grande orgulho que a SMFC prestou assessoria ao nosso cliente Copenhagen Infrastructure Partners, contribuindo para a implementação deste projeto inovador em Portugal tão importante quanto necessário para a aceleração da transição energética”, afirmou Inês Maltez Fernandes.

Os juristas consideram que este projeto irá contribuir significativamente para os objetivos estabelecidos na Estratégia Nacional para o Hidrogénio (EN-H2) e tem particular relevância no contexto europeu (plano REPowerEU). A cerimónia de lançamento do MadoquaPower2X irá realizar-se esta sexta-feira, dia 22 de abril, no Centro de Negócios da ZILS (distrito de Setúbal), e contará com a presença e participação de diversos elementos do Governo.

Consórcio com projeto de mil milhões de euros em Sines para produzir hidrogénio e amónia verdes

Recomendadas

Greenvolt Next instala painéis de autoconsumo na Vieira de Almeida

“Serão implementados um total de 192 painéis solares fotovoltaicos no edifício sede do escritório de advogados localizado em Lisboa. Esta UPAC terá uma capacidade instalada de 105 kWp, sendo capaz de gerar quase 150 MWh por ano, dotando a Vieira de Almeida de energia renovável capaz de suprir parte significativa do consumo anual”, refere a empresa de energia.

Refinanciamento da Finerge de 2,3 mil milhões eleito “Deal of the Year 2022” de energias renováveis na Europa

O refinanciamento da portuguesa Finerge, no montante de 2,3 mil milhões de euros, que teve o Banco Santander como assessor financeiro, foi eleito “Deal of the Year 2022” de energias renováveis na Europa, no âmbito dos PFI Awards, da revista Project Finance International.

PremiumCMVM está “completamente descontextualizada”

O Bastonário da Ordem dos Revisores Oficiais de Contas espera que o novo presidente da CMVM traga uma regulação e supervisão comparável à do BdP. Sector sente falta de recursos humanos, mas mantém otimismo cauteloso em 2023.
Comentários