Mota-Engil ganha novo contrato na Polónia e obras na Irlanda e Reino Unido

O novo projeto diz respeito à construção de um troço de cerca de 20 quilómetros, no valor de 118 milhões de euros.

Mario Proenca/Bloomberg

A Mota-Engil ganhou um novo contrato na Polónia, desta vez para a construção de um troço de cerca de 20 quilómetros, no valor de 118 milhões de euros, e obras na Irlanda e no Reino Unido.

Segundo um comunicado enviado esta quarta-feira de manhã à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a construtora refere que se trata de um troço da seção Lublin-Krasnik da autoestrada S19 (LublinRzeszow). O contrato de 118 milhões de euros inclui o projeto e construção e tem a duração de 34 meses.

“Aumenta assim para 238 milhões de euros o volume de obras adjudicadas durante este mês de dezembro na Polónia a que acrescem cerca de 58 milhões de euros novas obras recentemente adjudicadas na Irlanda e, com especial destaque, num mercado em expansão para os negócios da Mota-Engil Europa, o Reino Unido (dois lotes de empreitada de remodelação de redes de distribuição de água adjudicados a um consórcio liderado pela Glan Agua UK)”, refere a nota da CMVM.

Neste momento, os títulos da Mota-Engil estão a subir 0,19% para 3,7470euros.

Na segunda-feira passada, a Mota- Engil anunciou um contrato de 120 milhões de euros para a construção de um troço de uma autoestrada na Polónia, que também inclui o projeto e construção e tem igualmente duração de 34 meses e será executado pela Mota Engil Central Europe S.A.

Relacionadas

Mota-Engil emite amanhã até 131 milhões de euros em obrigações

Esta emissão obrigacionista da Mota-Engil destina-se apenas a investidores qualificados, com um montante mínimo de subscrição de 100 mil euros.

Mota-Engil ganha prémio internacional de engenharia com o ‘Corredor de Nacala’

O prémio foi atribuído pela Federação Mundial de Organizações de Engenharia (WFEO), que reúne organizações nacionais de engenharia de mais de 90 países e representa cerca de 20 milhões de engenheiros.
Recomendadas

Mota-Engil e Quadrante vão reabilitar e expandir estádio na Costa do Marfim

O estádio Félix Houphouët-Boigny, em Abidjan, na Costa do Marfim vai contar com uma área de cerca de 27 mil m2 e capacidade para receber cerca de 30 mil espectadores.

Sindicatos da Construção, Cerâmica e Vidro e empresa Verallia Portugal fecham aumento de 140 euros/mês

A partir de 1 de janeiro, o salário mais baixo da tabela salarial nesta empresa de fabrico e reciclagem das embalagens de vidro passará a ser 1.260,00 euros.

Mota-Engil assina contrato de concessão em Angola no valor de 450 milhões de dólares

O contrato tem um prazo inicial previsto de 30 anos e prevê um investimento total de 450 milhões de dólares (451,8 milhões de euros), dos quais 166 milhões de dólares em infraestruturas e 70 milhões em material circulante.
Comentários