Não perca dia 6 de julho o Webinar: Mobilidade no Futuro

Assista em direto, no próximo dia 6 de julho às 15h, ao webinar sobre a mobilidade no futuro onde irão ser debatidos os desafios e oportunidades neste período de incerteza que estamos a viver.

A pandemia do novo coronavírus mudou o mundo! O confinamento que resultou da atual crise de saúde pública levou a uma grande redução de carros nas cidades e automaticamente os níveis de poluição diminuíram. Nos meses anteriores ao aparecimento da pandemia na Europa, a indústria automóvel atravessava um período de acelerado foco na eletrificação. Esse mesmo foco continuará presente num período pós-pandémico? Será que a crise de saúde pública que agora vivemos pode vir a acelerar a aposta na mobilidade sustentável?

É provável que as organizações em vários setores de atividade atravessem um período complicado em termos de liquidez, incluindo o setor da mobilidade e transportes públicos. O que estão as organizações a fazer para preparar o futuro? Estas e outras questões serão esclarecidas no webinar sobre a mobilidade no futuro.

O painel desta conversa será composto por Pedro Carvalhas Coutinho, António Pires, António Oliveira Martins e Manuel Pina.

O Pedro Carvalhas Coutinho é Principal na EY-Parthenon, e líder do setor de Automóvel e Transportes na EY Portugal. Tem cerca de 15 anos de experiência de consultoria nas áreas de estratégia e organização, em diferentes setores de atividade na Europa, América Latina, e África. Ingressou na EY em 2014, no escritório de Londres, para apoiar o lançamento da prática de assessoria estratégica para Serviços Financeiros no Reino Unido, e desde Maio 2017 suporta igualmente o lançamento da nossa área de estratégia em Portugal. É licenciado em Economia pela Universidade Nova de Lisboa, e MBA pela University of Chicago Booth School of Business.

O António Pires é COO/CTO, membro do Conselho de Administração da Carris. É também Mentor e Advisor na incubadora de empresas STARTUP Lisboa e Professor na Porto Business School. Foi Membro do Conselho de Administração da Transtejo e do Metropolitano de Lisboa em 2016 e Mestre em gestão de supply chain e logística pela Cranfiel School of Management no Reino Unido.

O António Oliveira Martins é Diretor Geral da LeasePlan Portugal. É Vice-Presidente da ALF – Associação Portuguese de Leasing, Factoring e Renting. Na LeasePlan está há mais de 25 anos, desde 2001 como Diretor Geral. É Mestre em Gestão pelo ISEG – Lisbon School of Economics & Management.

O Manuel Pina é responsável pela Uber em Portugal. Na Uber há mais de 5 anos, inicialmente como responsável de customer experience para a Europa do Sul antes de ficar responsável pelo mercado nacional. Na sua carreira passou também pela Sonae na área de expansão internacional e é Mestre pelo IE Business School em Espanha em International Business.

Queremos conhecer as suas dúvidas e expectativas em relação a este tema para isso basta participar, enviando questões ou comentários para o email que colocamos à sua disposição: mobilidade_futuro@jornaleconomico.pt.

 

 

Este conteúdo patrocinado foi produzido em colaboração com a EY.

Recomendadas

Bancos sujeitos a coimas até 1,5 milhões se não aplicarem diploma do Governo para crédito à habitação

Está já em vigor, a partir deste sábado, o diploma que estabelece medidas destinadas a mitigar os efeitos do incremento dos indexantes de referência de contratos de crédito para aquisição ou construção de habitação própria permanente. Bancos têm 45 dias a partir de hoje para aplicar as medidas.

Ministra da Justiça diz que é preciso melhorar condições dos processos de recuperação de empresas

“A melhoria das condições de processos de recuperação [de empresas], sobretudo em períodos de insolvência e de dúvida, como o que atravessamos, é um desafio, mas um desafio que temos de concretizar”, afirmou Catarina Sarmento e Castro.

Restaurantes da AHRESP vão assegurar alimentação dos peregrinos da Jornada Mundial da Juventude

A AHRESP vai apoiar a Fundação na “definição das regras de funcionamento da rede de restaurantes e similares que irão assegurar o fornecimento de refeições para os participantes da Jornada Mundial da Juventude e contactar restaurantes e similares para promover a sua adesão à rede, bem como promover o uso do Guia de Boas Práticas da Restauração e Bebidas junto da rede”, lê-se no comunicado.  
Comentários