Não perca dia 8 de outubro o webinar: CFO Liderar em tempo de incerteza

As consequências da pandemia colocam a função financeira sob pressão. Conheça as preocupações de tesouraria e a necessidade de financiar os investimentos necessários para uma rápida recuperação e uma maior resiliência.

Que desafios têm os CFO’s perante uma digitalização acelerada das empresas? Como implementar projetos de automação inteligente? Que competências deve ter o CFO para liderar na era digital? São algumas das questões que vão ser debatidas no webinar que poderá assistir em direto às 15h no facebook e na JE TV do Jornal Económico.

O painel desta conversa será composto por Tânia Ribeiro, Rui Henriques, David Oliveira e Olívia Mira.

Tânia Ribeiro é Senior Manager da EY, People Advisory Services. A sua experiência profissional abrange todas as áreas da gestão estratégica dos recursos humanos. Tem liderado diversos projetos de transformação organizacional, desenhado projetos de cultura (M&A), programas aceleradores de desenvolvimento de liderança, assessments para funções críticas ou implementação de processos de gestão integrados de RH. Antes da EY passou por consultoras como a Mercer e a Jason Associates. Esteve três anos como Head of Consulting em Moçambique, onde teve a oportunidade de apoiar multinacionais na transferência e implementação de estratégias de gestão de pessoas. É formada em sociologia pelo ISCTE, tem um mestrado em Comportamento Organizacional pelo ISPA e o ano curricular de um doutoramento em gestão no ISCTE. Tem sido nos últimos anos, professora convidada no ISCTE Business School, na cadeira de Introdução à Gestão.

Rui Henriques é Partner da EY, Global Compliance and Reporting – Portugal & Angola. É responsável pela coordenação da área de Global Compliance & Reporting em Portugal e Angola, compreendendo as vertentes de compliance contabilístico e fiscal, GAAP conversion, financial & tax reporting, payroll e apoio em auditoria fiscal. A sua experiência abrange as áreas de outsourcing contabilístico e fiscal e consultoria fiscal. Como consultor fiscal tem apoiado, empresas nacionais e multinacionais de diversos sectores de atividade, nos domínios da tributação direta, tributação internacional e  reestruturações de grupos económicos. A sua experiência como consultor inclui o apoio em diversas operações de M&A, Due Diligence e estruturação de operações de IPO. Coordenação de implementação de Financial & Tax Reporting e de projetos de implementação de ERP software. Coordenação de processos de advisory em Financial & Administrative reorganizations. Coordenação de diversos projetos de compliance e de avaliação de qualidade de ativos em instituições financeiras. Rui Henriques é pós-graduado em Fiscalidade, possui uma licenciatura em Economia e um bacharelato em Contabilidade e Administração. É Contabilista Certificado, em Portugal, desde 1993.

David Oliveira é Director TMT (Telecomunications Media & Technology) Leader da EY. Especialista na prossecução de projetos de assessoria e auditoria de sistemas de informação. MBA em General Management pela Universidade Católica Portuguesa e Universidade Nova de Lisboa, Portugal.  Mestrado em Gestão de Sistemas de Informação pelo Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG). Pós-graduação em Sistemas e Tecnologias de Informação para as Organizações pelo Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG). Licenciado em Economia pela Universidade Lusíada de Lisboa. Tem mais de 14 anos de experiência na prestação de serviços de auditoria e consultoria, incluindo liderança de projetos de implementação de sistemas e transformação de negócio. É Auditor de Sistemas de Informação Certificado (CISA) pelo ISACA e é auditor ISO27001 e ISO20000 certificado pela BSI.

Olívia Mira, Administradora e CFO do Grupo Media Capital desde 2011, tendo ocupado várias posições no grupo desde 2000. Antes, trabalhou na Arthur Andersen. Atualmente é Board Member da APDC e Consultative Council Member da ACEPI. Será a convidada especial deste webinar.

Queremos conhecer as suas dúvidas e expectativas em relação a este tema para isso basta participar, enviando questões ou comentários para o email que colocamos à sua disposição: cfo@jornaleconomico.pt.

 

 

Este conteúdo patrocinado foi produzido em colaboração com a EY.

Recomendadas

A Mobilidade elétrica acelera a descarbonização das empresas

Na sua definição mais simples, descarbonizar significa “tirar carbono a”. E no caso da energia, significa que cada vez mais, queremos trocar as energias fósseis, que emitem gases de efeito estufa, por mais energias verdes, renováveis.

Euribor em máximos de uma década

O que pode fazer para cobrir a subida dos juros do seu empréstimo à habitação?

Mobilidade Sustentável: conheça a aposta da Schindler

Com a missão de ser cada vez mais sustentável, a Schindler estabeleceu para o ano de 2030 uma redução de 50% nas emissões de gases com efeito de estufa das suas atividades, com base nos dados de 2020.
Comentários