Neemias Queta tornou-se o primeiro português a jogar na NBA

O jogador nascido no Barreiro estreou-se com cinco ressaltos, uma assistência e um desarme de lançamento, tendo ainda falhado os quatro ‘tiros’ de campo tentados – três ‘tapinhas’ -, no desaire caseiro dos Kings face aos Memphis Grizzlies (105-124).

Neemias Queta tornou-se sexta-feira, aos 22 anos, o primeiro português a participar num jogo da Liga norte-americana de basquetebol (NBA), ao disputar os primeiros 7,44 minutos da época pelos Sacramento Kings, que o elegeram no ‘draft’ de 2021.

O jogador nascido no Barreiro estreou-se com cinco ressaltos, uma assistência e um desarme de lançamento, tendo ainda falhado os quatro ‘tiros’ de campo tentados – três ‘tapinhas’ -, no desaire caseiro dos Kings face aos Memphis Grizzlies (105-124).

Numa altura em que o conjunto de Sacramento tem seis baixas por infeção do novo coronavírus, Neemias Queta foi chamado e atuou no segundo período (4,30 minutos), no terceiro (1,01) e ainda no quarto e último, nos derradeiros 2,13 minutos do encontro.

A primeira aparição aconteceu a 1,01 minutos do intervalo, momento histórico em que o 88 luso substituiu Chimezie Metu: entrou depois do primeiro de dois lances livres de De’Anthony Melton e fez o primeiro lançamento com 7,6 segundos para jogar – ficou curto, bateu no aro e não entrou.

Nos segundos finais da primeira parte, o poste português ainda teve, porém, tempo para brilhar, com um desarme de lançamento a Kyle Anderson e um segundo consecutivo, perante Dillon Brooks, que já não entrou na estatística, por o tempo estar esgotado.

Na segunda parte, voltou a 4,30 minutos do final do terceiro período, para substituir Tristan Thompson e fez uma falta sobre Kyle Anderson, que marcou o lance livre inicial e falhou o segundo, com o português a garantir o ressalto defensivo.

Até ao final do parcial, Neemias ganhou um segundo ressalto defensivo, sofreu uma falta de De’Anthony Melton e fez uma assistência para Jahmi’us Ramsey. Nesta segunda vez em que esteve em campo, as coisas não correrem bem coletivamente, já que entrou com os Kings a perder por cinco (69-74) e o terceiro parcial chegou com a formação de Memphis a ganhar por 16 (75-91).

Já com o desfecho definido (101-122), reentrou para os últimos 2,13 minutos do jogo e conquistou, num ápice, três ressaltos ofensivos, que transformou em outras tantas ‘tapinhas’, mas sem conseguir converter qualquer delas.

Apesar da derrota e de não se ter estreado com pontos, Neemias Queta conseguiu, ainda assim, fazer história no basquetebol português, pois nunca um jogador luso havia disputado um encontro da principal liga do mundo, a NBA.

O poste integra o plantel de 17 basquetebolistas dos Sacramento Kings para a época 2021/22, mas é um dos dois com contrato de duas vias, que lhe permite atuar na equipa principal e na formação secundária, os Stockton Kings, da G-League.

Neemias Queta, jogador de 22 anos e 2,13 metros, é o primeiro português a integrar uma equipa da NBA, depois de ter sido eleito pelos Sacramento Kings no 39º lugar do ‘draft’, realizado em 29 de julho, em Nova Iorque.

Após três anos na Universidade de Utah State, ao serviço dos Aggies, o ex-jogador do Barreirense e do Benfica propôs-se ao ‘draft’, abdicando da época de ‘senior’, a quarta, e foi escolhido na nona posição da segunda ronda.

O internacional luso acabou a carreira universitária com médias de 13,2 pontos, 9,0 ressaltos, 2,5 desarmes de lançamento e 2,0 assistências, com 59,4% nos lançamentos de campo, números que convenceram o conjunto da Conferência Oeste.

Relacionadas

Sotheby’s arrecadou 1,3 milhões de euros por ténis usados por Michael Jordan em 1984

O basquetebolista utilizou os ténis Air Ships brancos e vermelhos antes da sua parceria com a empresa de desporto, que gerou a marca própria Air Jordan. Com esta marca, amplamente conhecida ainda nos dias de hoje, o jogador e a Nike desenvolveram ténis e peças de roupa.

‘NBA Europe’: está a ser estudada a criação de uma nova liga europeia

A ideia foi abordada em 2018 por Chus Bueno, vice-presidente da NBA para a Europa, África e Médio Oriente , que em entrevista à Efe garantiu que, apesar do facto de que uma “seleção espanhola ou europeia na NBA é difícil, seria mais uma espécie de conferência do que uma única equipa, mas de momento não está no roteiro da NBA”.

Conheça as 10 duplas com os salários combinados mais altos da NBA

Dos Lakers aos Warriors, passando pelos Bucks aos Trail Blazers, conheça as duplas que, combinadas, têm os salários mais alto da liga norte-americana de basquetebol.

Neemias Queta ingressa nos Sacramento Kings. Franquia avaliada em 1,8 mil milhões de dólares tem milionário indiano como CEO

A cidade de Sacramento traz boas memórias a qualquer fã português de basquetebol, uma vez que a franquia (já extinta) da WNBA na mesma cidade, as Monarchs, contou com a participação de Ticha Penicheiro no único campeonato vencido da sua história (2005).
Recomendadas

Portugal goleia em Praga e assume liderança do Grupo A2 da Liga das Nações

Portugal venceu este sábado a República Checa por 4-0, numa partida em Praga.

Emitido mandado de detenção para Vale e Azevedo

O Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa emitiu hoje um mandado de detenção para o antigo presidente do Benfica João Vale e Azevedo, alegando que se recusa a comparecer perante o juiz.

Instituto do Desporto e Juventude tem 33 recomendações para a redução do consumo energético e hídrico

O organismo deu a conhecer formas de minimizar o consumo nas instalações desportivas. Desde a instalação de sensores de presença à instalação de bombas de calor, tudo conta para reduzir.
Comentários