Netflix confirma segunda temporada do sucesso ‘Squid Game’

De acordo com uma mensagem do diretor, a segunda temporada fará regressar Gi-hun e o misterioso ‘Front Man’. Ainda sem data oficial, Hwang Dong-hyuk aponta a estreia para “final de 2023 ou início de 2024”.

(Photo by YOUNGKYU PARK/Netflix/AFP via Getty Images)

A série mais popular de sempre da Netflix, Squid Game, vai regressar para uma segunda temporada, confirmou o diretor do programa, Hwang Dong-hyuk. No entanto, Dong-hyuk não revelou detalhes sobre, por exemplo, se as filmagens já foram concluídas, e adiantou apenas que chegará à plataforma de streaming “no final de 2023 ou início de 2024”, segundo o “The Verge”.

De acordo com uma mensagem do diretor, a segunda temporada fará regressar Gi-hun e o misterioso ‘Front Man’.

“Demorou doze anos a dar vida à primeira temporada de ‘Squid Game’ no ano passado. Mas levou apenas doze dias para ‘Squid Game’ se tornar a série mais popular de todos na Netflix”, lê-se na nota de Dong-hyuk.

O diretor da série acrescenta que “enquanto escritor, diretor e produtor de ‘Squid Game’, envio um grande abraço aos fãs de todo o mundo. Obrigado por assistirem e amarem a nossa série. Juntem-se a nós mais uma vez para uma nova temporada”.

O anúncio é interpretado como uma botija de oxigénio para a Netflix, após a plataforma de streaming relatar a primeira queda no número de assinantes em dez anos. Os resultados implicaram várias demissões e uma reestruturação dos orçamentos de produção em todos os sectores.

A Netflix também está focada em limitar a partilha de contas e, segundo o “The Verge”, terá enviado uma mensagem aos seus funcionários onde revela a introdução de publicidade na plataforma até ao final deste ano.

Recomendadas

SATA prevê saída de 150 trabalhadores até final de 2023 através de rescisões negociadas

Cerca de 100 trabalhadores já saíram da companhia aérea açoriana SATA desde que foi lançado o primeiro programa de rescisões, em 2020.

Empresas TVDE criaram mais de sete mil empregos em seis anos

Entre 2013, ano anterior ao lançamento da operação da Uber em Portugal, e 2019, o número de empresas no sector (plataformas de transportes de passageiros) cresceu 71%.

Há 45 anos foi vendida a primeira Coca-Cola em Portugal

Foi a 4 de julho de 1977, num café na Baixa de Lisboa. “Não só faz parte da história do país como contribui ativamente para a economia nacional. Por cada euro que é gasto em Coca-Cola, 81 cêntimos permanecem em Portugal”, diz Rui Serpa, diretor em Portugal da Coca-Cola Europacific Partners.
Comentários