Netflix ganhou mais de 158 milhões de subscritores na Europa, Médio Oriente e África

O ritmo de expansão da Netflix fora dos EUA terá sido alavancado, parcialmente, por receitas mais baixas por cada utilizador.

As operações da Netflix na região EMEA (acrónimo para Europa, Médio Oriente e África) mais do que duplicaram nos últimos dois anos, contando hoje com 158,3 milhões de subscritores. De acordo com o “Financial Times”, os números de assinantes fora dos Estados Unidos foram revelados pela primeira vez e refletem uma estratégia de consolidação da plataforma de streaming na região EMEA, quando no mercado norte-americano surgem cada vez mais concorrentes diretos como a plataforma da HBO e a Apple TV+ e Disney+.

A Netflix revelou estes números para tranquilizar os investidores sobre a possibilidade de a plataforma perder força na sua operação nos EUA. Segundo o jornal anglo-saxónico, a região EMEA representa mais de metade dos subscritores dos subscritores da plataforma de streaming, sendo que mais de um quarto das receitas da empresa com sede na Califórnia foram geradas na região EMEA nos três primeiros trimestres de 2019.

O ritmo de expansão da Netflix fora dos EUA terá sido alavancado, parcialmente, por receitas mais baixas por cada utilizador.

A Netflix resolveu divulgar os seus dados sobre o número de assinantes, visto que as suas metas de crescimento não foram cumpridas, sobretudo no que respeita ao objetivo de conseguir acrescentar à sua operação 220 mil novos subscritores.

Recomendadas

Restaurantes da AHRESP vão assegurar alimentação dos peregrinos da Jornada Mundial da Juventude

A AHRESP vai apoiar a Fundação na “definição das regras de funcionamento da rede de restaurantes e similares que irão assegurar o fornecimento de refeições para os participantes da Jornada Mundial da Juventude e contactar restaurantes e similares para promover a sua adesão à rede, bem como promover o uso do Guia de Boas Práticas da Restauração e Bebidas junto da rede”, lê-se no comunicado.  

Complemento excecional a pensionistas: SNQTB remeteu nova carta ao Primeiro-Ministro

Depois do OE2023 ter sido aprovado o Sindicato Nacional dos Quadros e Técnicos Bancários diz que “o Partido Socialista mantém a injustiça em relação aos bancários reformados que foram indevidamente excluídos da atribuição do complemento excecional a pensionistas”.

PremiumRede 5G, um ano e quatro mil antenas depois

Portugal arrancou com a tecnologia de quinta geração a 26 de novembro. NOS, a primeira a lançar, revela que conta com 3.200 estações instaladas.
Comentários