Notáveis com Passos Coelho em jantar para descartar Rui Rio

Vários notáveis e  militantes do PPD/PSD,a par de muitos simpatizantes, estão a organizar um jantar de “desagravo” a Passos Coelho. A iniciativa, que terá lugar no próximo dia 7 de novembro (sexta-feira), no Armazém 23, em Lisboa, é também um ensejo para tirar “gás” a um possível avanço de Rui Rio para a liderança do […]

Vários notáveis e  militantes do PPD/PSD,a par de muitos simpatizantes, estão a organizar um jantar de “desagravo” a Passos Coelho.
A iniciativa, que terá lugar no próximo dia 7 de novembro (sexta-feira), no Armazém 23, em Lisboa, é também um ensejo para tirar “gás” a um possível avanço de Rui Rio para a liderança do PPD/PSD, segundo disseram ao OJE fontes ligadas ao processo.
Para já muitos simpatizantes estão a ser contatados pelo telefone ou e-mail, sendo informados, entre outros pormenores, do preço do jantar no conhecido espaço do Cais da Matinha, que pode albergar até 3 mil pessoas. Cada conviva pagará 5 euros.
Segundo o OJE apurou, estão já confirmados os nomes de Matos Rosa, secretário-geral do PPD/PSD, Miguel Frasquilho (presidente da AICEP e ex-secretário de Estado de Durão Barroso) e Ribau Esteves (presidente da Câmara de Aveiro).
Também Fernando Seara, ex-presidente da Câmara de Sintra, e Fernando Costa, ex-presidente da Câmara das Caldas da Rainha e um dos históricos dos Congressos do PPD/PSD, já deram o ‘sim’ para participar no jantar, bem como elementos ligados à Associação Nacional de Municípios, como Rui Mendes Ferreira, ou deputados, como Afonso Oliveira.
Da lista, segundo as mesmas fontes, constam ainda familiares de Francisco Sá carneiro, tais como Carlos e Tiago Sá Carneiro, este último neto do fundador do Partido.
Dois dos pavilhões do Cais da Matinha estão já alugados para o evento que, segundo as fontes do ‘Oje’, já terá tido o aval de Pedro Passos Coelho.
OJE
Recomendadas

Ministro da Saúde inicia processo de dissolução de consultora

Manuel Pizarro já iniciou o processo de dissolução da Manuel Pizarro-Consultoria e reconhece incompatibilidade.

OE2023: Conselho de Ministros extraordinário discute documento na terça-feira

O Governo discute em Conselho de Ministros extraordinário na terça-feira a proposta de Orçamento do Estado para 2023, numa reunião que marca o começo do processo de aprovação do documento, que é entregue ao parlamento na segunda-feira.

Governo avisa federação russa em Portugal: “UE adotará medidas restritivas adicionais” devido a anexação de regiões ucranianas

O Ministério dos Negócios Estrangeiros garante que a UE “continuará a apoiar a integridade territorial e a soberania da Ucrânia”, posição que demonstrou, esta segunda-feira, durante reunião com o embaixador da Federação Russa.