Novo Banco. 80% dos clientes do ex-BES aderiu à solução para ações preferenciais

O Novo Banco apresentou uma solução comercial aos Clientes detentores de ações preferenciais dos veículos Poupança Plus, Top Renda e EuroAforro 8 (“Veículos”), que foram objeto de comercialização pelo Banco Espírito Santo. Aderiu à solução cerca de 80% dos clientes, avançou a instituição financeira. O prazo para aderir à solução comercial destinada aos clientes do […]


Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

O Novo Banco apresentou uma solução comercial aos Clientes detentores de ações preferenciais dos veículos Poupança Plus, Top Renda e EuroAforro 8 (“Veículos”), que foram objeto de comercialização pelo Banco Espírito Santo. Aderiu à solução cerca de 80% dos clientes, avançou a instituição financeira.

O prazo para aderir à solução comercial destinada aos clientes do ex-BES, bem como para revogar a adesão, terminou no passado dia 18 de setembro, de acordo com os termos da informação da CMVM, publicada no respetivo site em 3 de setembro de 2015.

Refere o NB que conforme nota síntese enviada a todos os clientes, a primeira fase do processo da solução comercial tem como objetivo a transferência, para o cliente, do património do veículo, na proporção das ações preferenciais de que o mesmo é titular.

Para que esta transferência seja possível, “é necessário que a maioria do número de ações preferenciais vote favoravelmente a alteração de estatutos de cada veículo, por forma a ser incluída a possibilidade de liquidação, em espécie, das ações preferenciais, por iniciativa do cliente”.

Refere ainda ao NB que encerrado o período de adesões aderiram à solução comercial 80% dos clientes (titulares de 77% do número de ações preferenciais emitidas pelos veículos), tendo o NB recebido instruções de voto que asseguram a maioria necessária para deliberar a alteração dos estatutos de cada um dos veículos. Conclui a instituição em nota que em estreita articulação com a entidade gestora, o trustee e o arranger de cada veículo, comunicará aos seus clientes as datas de votação das alterações de estatutos, bem como o prazo previsto para executar a solução comercial acordada.

OJE

Recomendadas

Emissão obrigacionista da Sonangol é “bem vinda” para a bolsa angolana

Segundo o responsável do Departamento de Desenvolvimento de Mercado da Bodiva, Nivaldo Matias, a iniciativa da Sonangol ainda não foi dada a conhecer formalmente à instituição, contudo, a decisão da petrolífera é “bem-vinda”.

Novabase suspende programa de recompra de ações

A tecnológica já tinha suspendido o programa em junho, tendo depois voltado a retomá-lo. Segundo informação publicada nessa altura, o programa estava previsto durar até 31 de dezembro de 2023.

Trabalhadores da Autoeuropa rejeitam pré-acordo laboral que previa aumento de 5,2%

Dos mais de cinco mil trabalhadores da fábrica de automóveis da Volkswagen, em Palmela, no distrito de Setúbal, só 3.865 exercerem o direito de voto, 2.007 dos quais votaram contra o pré-acordo e 1.826 a favor. Houve ainda 10 votos nulos e 22 brancos.