Premium“Novos artesãos” portugueses querem conquistar o mundo, à mão

Acreditar que o micro-empreendedorismo pode fazer a diferença se a sua promoção e divulgação for feita no coletivo, é uma convicção que leva Filipa Belo, fundadora e curadora da Portugal Manual, a rodear-se de novos artesãos para colocar Portugal no mapa-mundo das artes e ofícios. Defende, aliás, que o país pode ser um ‘player’ de eleição nesta área. Eis um projeto que tem vindo a ganhar asas e que em setembro deste ano vai abrir um novo capítulo, sob os auspícios de uma parceria com o Turismo de Portugal.

Filipa Belo © Mónica Ramalho

A conversa tem lugar com uma “janela” de permeio. Ou melhor, um ecrã. Mas os gestos estão lá, o sorriso também e não há zoom nem fuso horário que retire entusiasmo e energia a Filipa Belo, fundadora e curadora da Portugal Manual.

A ponte faz-se, digital, entre Lisboa e São Paulo, no Brasil. País e cidade que foram a primeira montra internacional do projeto Portugal Manual. Porquê? Porque Filipa mudou de vida e continente. Porque percebeu que havia um movimento que valorizava o fazer à mão. Porque entendeu que “era o momento”. Ela, que se formou em Sociologia, a quem o Marketing seduziu e que disse “sim” ao Turismo, juntou o melhor que sabia para dar a conhecer o que de melhor se faz no universo do artesanato contemporâneo. E foi assim que a Portugal Manual – “uma rede de artesãos contemporâneos e empreendedores num ecossistema de negócios e transmissão de saberes” – nasceu, em 2019, numa ida e volta ao Brasil.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

“A Grande Arte no Cinema”: um ciclo em torno da arte universal e dos seus protagonistas

Se durante a pandemia muitas pessoas ganharam o hábito de passear por museus, galerias e monumentos virtualmente, agora poderá ir a uma sala de cinema e desbravar a vida de artistas que marcaram a História da Arte mundial e os espaços que acolhem as suas obras. O verão também pode ser feito de Cinema e Arte.

Arranca hoje a 39ª edição do Festival de Almada sob o signo do encontro e do espanto

De 4 a 18 de julho o teatro fala mais alto e todas as questões sobem ao palco. Para sorrirmos, pensarmos, refletirmos, questionarmos. Encontro marcado em Almada e Lisboa.

PremiumEstilo de vida saudável, sustentável e inclusivo

O objetivo do Grupo Dr Bernard é integrar uma visão de saúde, sustentabilidade e bem-estar com práticas de alimentação e atividades saudáveis, coaches e terapeutas, num conceito que visa trabalhar corpo e mente.
Comentários