Número de inscritos no ensino superior atinge máximo histórico com mais de 433 mil estudantes

“Este resultado mantém Portugal na trajetória necessária para atingir as metas de qualificação de longo prazo”, aponta o Governo.

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior revelou, esta sexta-feira, que o número de inscritos no ensino superior atingiu máximo histórico com mais de 433 mil estudantes.

“Este resultado mantém Portugal na trajetória necessária para atingir as metas de qualificação de longo prazo e que visam atingir até 2030 uma taxa média de frequência no ensino superior de seis em cada dez jovens com 20 anos e atingir 50% de graduados de ensino superior na faixa etária dos 30-34 anos”, sublinha o Governo em comunicado.

Além disso, o Governo aponta que “à semelhança do ano anterior, as áreas das ‘Ciências empresariais, administração e direito’, da ‘Engenharia, indústrias transformadoras e construção’ e da ‘Saúde e proteção social’ apresentaram a maior expressão com, respetivamente, 96.635 (22,3%), 87.975 (20,3%) e 66.092 (15,3%). Estas três áreas representam, em 2021/2022, 57,9% do total dos alunos inscritos”.

Verificou-se igualmente que as áreas de educação e formação em que se registaram as maiores taxas de crescimento de alunos inscritos neste último ano letivo foram: “Educação” (mais 11%) e “Tecnologias da informação e comunicação (TICs)” (mais 9%).

O Governo também informa que “em estabelecimentos de ensino superior universitário estavam inscritos 274 594 alunos (mais 5,1%) e em estabelecimentos de ensino superior politécnico estavam inscritos 158 623 (mais 5,3%)”

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira, 28 de novembro

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcaram o dia informativo desta segunda-feira.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta sexta-feira, 25 de novembro

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcaram o dia informativo desta sexta-feira.

Costa anuncia reforço das transferências para Ensino Superior e aumento das bolsas

O primeiro-ministro anunciou hoje um reforço extraordinário em 25 milhões de euros para as instituições de Ensino Superior e um aumento de 10% das bolsas para os estudantes, com mais cinco pontos percentuais para os alunos deslocados.
Comentários