“O que se passou nos Estados Unidos e Brasil deve ser motivo de profunda reflexão”, diz presidente da Assembleia da Madeira

Os episódios dos Estados Unidos e do Brasil levaram a apelo de mais ética e transparência, com alerta para a subida dos partidos radicais na Europa.

O presidente da Assembleia da Madeira, José Manuel Rodrigues, considerou que o que se passou nos Estados Unidos da América e no Brasil deve ser um motivo de profunda reflexão.

José Manuel Rodrigues falava num debate sobre ‘o valor da democracia‘ promovido pela Escola Secundária Francisco Franco.

“O que se passou nos Estados Unidos e no Brasil, democracias que considerávamos estabilizadas, o crescimento e a subida ao poder de partidos radicais na Europa, impensável depois do que se passou na Segunda Grande Guerra, devem ser motivo de profunda reflexão por parte de todos os que trabalham para a ‘Res Publica’, mas devem ser, sobretudo, alavancas de ação”, disse José Manuel Rodrigues.

“E quando, no plano nacional, ou mesmo no regional, vemos políticos ou governantes serem alvo de investigações e averiguações, a verdade é que, apesar de isso poder ser motivo de suspeição e de generalização, é igualmente certo que demonstra que a justiça funciona e que ninguém está acima da lei, como é próprio de um Estado de Direito.
Mas não tenhamos dúvidas de que precisamos de mais ética e transparência nas nossas Democracias”, acrescentou o presidente da Assembleia da Madeira.

Recomendadas

PremiumSofar Sound chega à Madeira com concertos em lugares inesperados

No meio da natureza, na praia ou nalgum edifício icónico, são alguns exemplos de “lugares incríveis” onde estes espetáculos, que duram duas horas, podem ter lugar.

PremiumChoux: a pastelaria que junta bolos franceses aos sabores regionais

A pasteleira Joana Gonçalves meteu ‘mãos à obra’ na altura da pandemia. As encomendas são uma parte importante do negócio, sendo que representam cerca de 50% do faturamento da empresa. É possível mandar fazer bolos de aniversário, sobremesas e cestos de piquenique.

Madeira: Comercialização de banana aumentou 12,6% em 2022

O aumento registado em 2022 foi transversal a todas as categorias de banana. Comparativamente ao ano anterior, a banana de categoria extra cresceu 14,3%, a de primeira categoria, 8%, e a de segunda, 2,1%.
Comentários