OE2022: da política orçamental às alternativas para o futuro. Veja em direto a conferência da Ordem dos Economistas

Conferência é organizada pela Ordem dos Economistas em parceria com o Institute of Public Policy e conta o Jornal Económico como media partner. O ministro das Finanças, Fernando Medina e o Governador do Banco de Portugal, Mário Centeno, além de outros intervenientes, irão debruçar-se sobre o OE2022.

A política orçamental e as alternativas para o futuro, tendo como mote o OE2022, estarão em debate na conferência “O Orçamento do Estado para 2022”, organizada pela Ordem dos Economistas em parceria com o Institute of Public Policy e com o apoio do Banco de Portugal, que tem o Jornal Económico como media partner. A conferência terá lugar na Culturgest, em Lisboa, e é transmitida através da plataforma multimédia JE TV.

Os trabalhos irão ter início às 10h00 com a sessão de abertura a cargo de António Mendonça, bastonário da Ordem dos Economistas. Às 10h20, o ministro das Finanças, Fernando Medina, aborda as linhas mestras do OE2022.

Das 11h00 às 12h30, o painel “Política Orçamental e Alternativas para o Futuro”, moderado por Ricardo Santos Ferreira, subdiretor do Jornal Económico, irá contar com a análise de Paulo Trigo Pereira, presidente do Institute of Public Policy – Lisbon, Hélder Reis, assessor económico do Presidente da República, Jamila Madeira, deputada e vice-presidente da bancada parlamentar do PS e Margarida Mano, vice-reitora da Universidade Católica.

Esta conferência irá terminar com uma breve intervenção de António Rebelo de Sousa, membro da direção da Ordem dos Economistas e cabe a Mário Centeno, Governador do Banco de Portugal, finalizar os trabalhos, numa intervenção que terá lugar às 12h30.

Recomendadas

Lei é vanguardista mas falta informação para a aplicar

A advogada Ilime Portela diz que o Código do Trabalho é “bastante vanguardista” mas que as empresas não aplicam as soluções previstas na lei por falta de conhecimento. O teletrabalho soma e segue mas não muda o trabalho em si, diz.

“Mantenho o compromisso” com a TAP, diz CEO

Christine Ourmières-Widener falava na sede da TAP, em Lisboa, onde chamou os jornalistas para uma sessão de esclarecimentos, após a empresa ter anunciado no domingo medidas como a redução dos cortes salariais dos pilotos e trabalhadores, criticadas pelos sindicatos.

Herdeiro do McDonald’s na Rússia vende quase 120 mil hambúrgueres no dia de abertura

Depois da McDonald’s ter cessado atividade na Rússia Oleg Paroev abriu 50 restaurantes em Moscovo que vêm substituir a marca de hamburgueres.
Comentários