Oito pessoas assistidas e um animal morto em incêndio no Zoo de Londres

Ainda não são conhecidas as causas do incêndio que mobilizou mais de 70 bombeiros. Algumas das pessoas que receberam assistência tiveram também sinais de estado de choque.

Um incêndio no Zoo de Londres levou a que oito pessoas necessitassem de assistência. Seis por motivos de inalação de fumo, duas devido a pequenas lesões a que acresce mais uma pessoa que foi transportada para o hospital refere a BBC. Está confirmada também a morte de um animal.

As causas do incêndio, que mobilizou mais de 70 bombeiros, no Zoo de Londres, ainda são desconhecidas. Algumas das pessoas assistidas, todas funcionários do Zoo, apresentaram também sinais de estado de choque, diz a agência Lusa.

O animal que morreu é um porco formigueiro. Quatro suricatas estão dadas como desaparecidas. O incêndio afetou o café e a loja do zoológico.

“Cerca de metade do café e da loja do zoo, que também têm uma área com animais, está destruída agora”, disse um porta-voz da brigada anti-incêndios de Londres, à comunicação social local. a mesma fonte acrescentou que as instalações do zoo foram encerradas por causa do fogo e vão permanecer fechadas até estar concluída a investigação.

A BBC avança que o zoo vai abrir no domingo.

Recomendadas

Irão: ‘Polícia da moralidade’ poderá ser substituída por “novas tecnologias”

O Centro de Promoção da Virtude e Proibição do Vício do Irão afirmou hoje “que a missão da polícia da moralidade terminou”, mas sublinhou que estão a ser estudadas novas tecnologias para controlar o vestuário das mulheres.

Ucrânia: Operadora de eletricidade anuncia cortes de emergência em todo o país

A operadora de eletricidade ucraniana Ukrenergo avisou hoje que vai ser preciso realizar cortes de energia de emergência em toda a Ucrânia, devido aos mais recentes ataques russos.

Mike Pence rejeita comentários de Trump contra a Constituição dos EUA

O ex-vice-presidente norte-americano Mike Pence rejeitou hoje as afirmações de Donald Trump de que deveria “acabar-se” com a Constituição do país para que pudesse ser reintegrado na Presidência.
Comentários