Organização da Jornada da Juventude lança campanha de divulgação junto dos jovens

A organização da Jornada Mundial da Juventude Lisboa 2023 (JMJLisboa2023) anunciou hoje o lançamento de uma campanha de promoção do encontro, sob o lema “A Jornada Mundial da Juventude é para ti”.

Papa Francisco

A campanha “pretende dirigir o convite a todos os jovens no âmbito da abertura das inscrições da JMJ Lisboa 2023, que se iniciou com a inscrição do Papa Francisco no passado dia 23 de outubro”, informa, em comunicado, o Comité Organizador Local (COL) da Jornada.

A diretora de comunicação da JMJLisboa2023, Ana Alves, assume que a missão da organização “é que todos os jovens sejam convidados a estar neste grande encontro universal. Como tal, esta campanha foi desenhada para convidar todos os jovens do mundo a inscreverem-se na JMJLisboa2023 e será divulgada não só em Portugal, mas também internacionalmente, através das redes sociais”.

“Procurámos desenvolver uma imagem gráfica alegre e jovial, com cores vibrantes, e em que os protagonistas são jovens voluntários ou peregrinos que, através de uma mensagem direta e pessoal para outros jovens, transmitem alegria, inclusão e união e mobilizam para a JMJ Lisboa 2023”, acrescenta Ana Alves, citada na nota hoje distribuída.

A campanha “A Jornada Mundial da Juventude é para ti” vai estar visível, numa primeira fase, em mupis, nos concelhos de Lisboa e Loures, e nas plataformas digitais.

O Papa Francisco foi o primeiro peregrino a inscrever-se, no dia 23 de outubro, no Vaticano, para o encontro mundial agendado para a capital portuguesa entre 01 e 06 de agosto do próximo ano.

O gesto de Francisco ocorreu após a recitação do Angelus, na Praça São Pedro, no Vaticano, marcando a abertura das inscrições para a JMJ Lisboa 2023, considerado “o maior encontro de jovens de todo o mundo com o Papa”, que vai ter como tema “Maria levantou-se e partiu apressadamente”.

O anúncio do Papa, na janela do Palácio Apostólico, foi feito na companhia de duas jovens portuguesas estudantes do programa Erasmus em Roma – Maria de Assis, natural de Lisboa e estudante de arquitetura, e Diana Lourenço Gonçalves, natural de Braga e estudante de medicina, ambas na Universidade La Sapienza, segundo informação da organização da JMJLisboa2023.

Francisco fez a sua inscrição num tablet, convidando os jovens do mundo inteiro a inscreverem-se para o encontro de Lisboa.

“Convidei duas jovens portuguesas para que estejam aqui comigo, enquanto me inscrevo, o que vou fazer agora”, disse o Papa antes de dar o clique no tablet, após o que afirmou: “Estou inscrito!”.

Queridos jovens, convido-vos a inscreverem-se nesse encontro no qual, após um longo período de distanciamento e afastamento, encontraremos a alegria do abraço fraterno entre os povos e entre as gerações, o abraço da reconciliação, da paz, da qual temos tanta necessidade”, disse o Papa Francisco, perante milhares de fiéis presentes na Praça de São Pedro.

Dois dias depois, foi a vez do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, fazer a sua inscrição na JMJLisboa2023, no edifício onde funciona o COL, na antiga Manutenção Militar, no Beato, em Lisboa.

Na ocasião, o chefe de Estado considerou que a JMJLisboa2023 “vai ser o maior encontro coletivo jamais existente em Portugal”.

Quem pretenda inscrever-se (peregrinos, voluntários, participantes do Festival da Juventude ou da Feira das Vocações, bem como os bispos), pode fazê-lo ‘site’ oficial da Jornada, em www.lisboa2023.org/pt/.

O COL já esclareceu que nenhum momento daquele encontro mundial com o Papa será pago.

No entanto, o “pacote” para a semana da JMJ, incluindo alojamento, alimentação, transportes locais, seguro de acidentes pessoais e kit do peregrino está fixado em 235 euros, com desconto de 10% até 31 de dezembro e 5% até 15 de março.

O preço sobe para 255 euros, se o peregrino necessitar de acrescentar um dia à permanência, antes ou depois da JMJ, nomeadamente devido à data das viagens.

O preço mais barato na inscrição é de 90 euros, para os peregrinos que apenas desejem seguro, transporte e kit.

Há ainda “pacotes” para o fim de semana (quatro dias), com valores entre os 100 e os 140 euros, e para apenas a vigília e a missa final, entre os 50 e os 60 euros.

Já os voluntários, com colaboração prevista por duas semanas, pagarão 145 euros, com direito a alojamento, transportes, alimentação, seguro e kit.

Nos transportes não está incluída a viagem dos locais de origem dos peregrinos para paraLisboa.

Quanto às refeições, a organização da Jornada está em diálogo com os restaurantes de Lisboa, para que, com um voucher os peregrinos possam tomar as refeições naqueles estabelecimentos.

A inscrição não é obrigatória para assistir aos eventos com a presença do Papa, no entanto os espaços dos diferentes momentos estarão divididos com locais com acesso prioritário para os peregrinos inscritos, e outros locais de acesso livre.

A JMJLisboa2023, que será encerrada pelo Papa, esteve inicialmente prevista para o verão deste ano, mas foi adiada um ano, devido à pandemia de covid-19.

Recomendadas
SNS

Média de espera para doentes urgentes varia entre 33 minutos e 11 horas nos hospitais de Lisboa

De acordo com os dados do Portal do Serviço Nacional de Saúde, consultados pela agência Lusa, 19 doentes com pulseira amarela (urgente) encontravam-se às 11:45 de hoje no serviço de urgência central do Hospital Santa Maria, tendo um tempo médio de espera de 11 horas e 10 minutos, quando o tempo recomendado é de 60 minutos.

Eutanásia: PSD vai propor referendo sobre despenalização

O anúncio foi feito por Luís Montenegro no final da reunião da Comissão permanente do partido.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta segunda-feira.
Comentários