“Os pequenos empresários têm de ter uma voz na associação”

O foco da nova direção da ACIF vai continuar estar no Turismo, mas as novas tecnologias são uma aposta para o desenvolvimento da região.

A ACIF vai continuar a defender os dois principais pilares económicos da Região: a hotelaria e turismo e, por outro lado, o Centro Internacional de Negócios, referiu Jorge Veiga França, que lidera a única lista para a direção da associação.

“O Centro Internacional de Negócios será mais uma infraestrutura que facilitará a instalação de outros nichos de mercado, como o desenvolvimento de hubs na Madeira, designadamente as novas tecnologias”, adiantou. “Abraço essas novas áreas de negócios”.

A par desta estratégia, Jorge Veiga França que também dar atenção especial aos pequenos comerciantes e empresários.

“À imagem do que acontece em todas as economias, e a Madeira não é excepção, são esses empresários que caracterizam não só a associação, mas também a própria economia”, sublinhou.

“Acredito que precisam de uma atenção  muito especial, que lhes dê a mão, lhes proponha uma formação adequada, não só de modernização dos seus pequenos negócios, mas também uma melhor estratégia de optimização da sua própria atividade”, disse.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor.

Relacionadas

Candidato à ACIF pede programa de apoio a pequenos comerciantes

O objetivo do programa passa por trazer uma maior eficiência aos pequenos empresários mantendo-os atualizados em matéria fiscal e permitir recorrer aos fundos europeus disponíveis.
Recomendadas

Funchal: PAN critica “tiques de absolutismo” de PSD e CDS-PP

O partido diz que o Orçamento Municipal do Funchal, que foi aprovado na Assembleia Municipal, permite concluir que estamos perante uma vereação “sem rasgo, sem ideias, conduzida por um presidente de Câmara, Pedro Calado, cuja capacidade de resolução de problemas já é considerada, por um número crescente e cada vez maior de habitantes do Funchal, como uma desilusão”.

Madeira lança campanha para promover literacia na saúde

Entre os temas abordados estarão: a alimentação saudável, a promoção da atividade física, a prevenção de acidentes em diferentes idades e contextos, a saúde mental ao longo da vida, a prevenção de consumos de substâncias psicoativas, a prevenção de consumos de álcool e tabaco, o sono e o repouso recomendados e o uso adequado da medicação.

Asseco PST e LOQR estabelecem parceria para reforçar ligação à lusofonia

Com esta parceria as empresas pretendem auxiliar as instituições financeiras no seu processo de aceleração digital.
Comentários