PAN propõe transportes gratuitos no Funchal para resolver problema da mobilidade

O partido apresentou um conjunto de propostas, em diversas áreas, para melhorar o Funchal. Entre as medidas está também manuais escolares gratuitos, um projeto de rearborização, apoios à cultura e ao lazer, aposta na educação, e equipar todos os edifícios municipais com energia solar.

O PAN Madeira quer transportes gratuitos no Funchal. O partido acredita que esta é uma forma de resolver o problema da mobilidade na cidade, e de diminuir a entrada de carros no município e reduzir a poluição atmosférica.

O partido apresentou um conjunto de propostas, em diversas áreas, de modo a que o Funchal seja um município “sinónimo de modernidade, inovação, humanismo, sustentabilidade, liberdade e respeito pelo Ambiente”.

Para a área da segurança o PAN propõe a criação da Polícia Municipal, e na demografia sugere um apoio efetivo à natalidade, manuais gratuitos do 1º ao 12º ano de escolaridade, e criação do Polo do Conhecimento com residência associada para estudantes de fora do município.

O partido pretende implementar o projeto PAN “no Funchal eu conto” que pretende combater o álcool, a toxicodependência e a indigência; e também o projeto PAN “Cidade Criativa” com o intuito de recuperar casas em ruínas.

A força política quer também implementar o PAN “Reflorestar”, de modo a que se desenvolva “um projeto de rearborização que permita trazer os animais, reduzir as temperaturas e devolver aos funchalenses o seu Funchal”.

O PAN sugere o projeto “Cidade Viva”,  com apoios ao desporto amador, à cultura e ao lazer para todos de modo a devolver aos Funchalenses a sua cidade, e o PAN “Funchal – cidade solar do Atlântico”, que recorreria aos fundos do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) de modo a que “todos os edifícios municipais utilizem energia solar e onde a generalidade das famílias tenham uma mini Empresa de Eletricidade da Madeira (EEM) em casa”.

Através do “Funchal conhece” o PAN pretenderia apostar na educação e na formação contínua como “uma das traves-mestras” da cidade, levando a que o Funchal se afirme como “cidade inovadora, aberta ao conhecimento onde todas as crianças contam”.

O partido diz também que “ter o Funchal sempre à frente implica atrair talento, alimentar em todos o sonho de um amanhã melhor”.

Recomendadas

Hoje é celebrado o Dia Internacional da Consciencialização sobre Perdas e Desperdício Alimentar

Na Europa, todos os anos, cerca de 89 milhões de toneladas de alimentos são deitados ao lixo. Em Portugal, estima-se que cada português desperdice cerca de 134 kg de alimentos por ano. Enquanto isto 1/6 da população mundial passa fome.

Madeira: Serviço Regional de Saúde visita Unidade de Ação Social do Hospital Garcia da Orta

A Unidade de Ação Social do SESARAM observou e conheceu a dinâmica e a metodologia de trabalho implementada na UHD do hospital e, em particular, a área de intervenção social.

Madeira: Acordos de gestão entre a Segurança Social e as IPSS vão passar para 20 anos

Neste sentido, com a presente alteração pretende-se adequar a duração dos acordos de gestão que envolvam a cedência de utilização do edificado em regime de comodato, onde sejam desenvolvidas respostas sociais, numa lógica de melhor aproveitamento dos recursos disponíveis.
Comentários