Para Angola em força! Construção civil angolana atrai portugueses

Mais de 50 empresas portuguesas lideram a presença internacional na maior feira angolana dedicada à Construção Civil e Obras Públicas, informaram os promotores do evento. Na Projekta 2014, que decorre na Feira Internacional de Luanda (FILDA) entre 23 e 26 de outubro, estreiam-se empresários do Paquistão e do Kuwait, mas a representação portuguesa, com 54 […]

Mais de 50 empresas portuguesas lideram a presença internacional na maior feira angolana dedicada à Construção Civil e Obras Públicas, informaram os promotores do evento.

Na Projekta 2014, que decorre na Feira Internacional de Luanda (FILDA) entre 23 e 26 de outubro, estreiam-se empresários do Paquistão e do Kuwait, mas a representação portuguesa, com 54 empresas, é a mais significativa das comitivas internacionais e volta a crescer este ano, indicou fonte da organização.

Trata-se da 12.ª edição desta feira, dedicada à Construção Civil, Obras Públicas, Urbanismo e Arquitetura, setores de forte desenvolvimento em Angola e onde operam as maiores empresas portuguesas.

Nesta feira marcam presença cerca de 500 empresas, de doze países.

Além da promoção empresarial, o evento prevê a apresentação de um estudo sobre o “papel crescente” das empresas 100 por cento angolanas da área da construção e obras públicas e outro sobre a evolução do mercado imobiliário em Angola, desde o pós-guerra até à crise financeira de 2008 e 2009.

De acordo com a organização, partilhada entre a Feira Internacional de Luanda e a Eventos Arena, a Projekta tem vindo a assumir um “papel de alavancagem na realização de parcerias, contactos e negócios entre empresários angolanos e estrangeiros”.

Apresenta este ano um novo salão exclusivo para o Mobiliário e Decoração de Interiores para Casa, Escritório e Espaços Comerciais (Expo Decor).

Recomendadas

El Corte Inglés contrata mais de 500 colaboradores para o Natal

“Para além deste período de Natal, há ainda possibilidade de permanecerem em contratos futuros, tal como tem acontecido em anos anteriores”, garante a empresa.

Bosch Industry Consulting abre escritório em Espanha

As operações da Bosch Industry Consulting em Espanha irão beneficiar da existência do centro de competências da Bosch em Aveiro.

EDP Brasil emite papel comercial no valor de 292 milhões de euros para amortizar dívida ao BNDES

O objetivo da emissão é realizar o pagamento antecipado da dívida com o Banco Nacional de Desenvolvimento Económico e Social – BNDES, no montante aproximado de 470 milhões de reais e distribuir o restante ao acionista, diz a empresa.