Paulo Portas alerta para necessidade de empresários se tornarem mais inovadores e dinâmicos

O antigo ministro dos Negócios Estrangeiros incentivou a internacionalização das empresas e realçou a capacidade das empresas “de exportar a atividade das suas empresas e descobrir o mundo”.

O ex-ministro dos Negócios Estrangeiros Paulo Portas aconselhou esta segunda-feira empresários e executivos portugueses a fortalecerem a competitividade das empresas para aproveitarem as oportunidades da globalização. Paulo Portas incentivou a internacionalização das empresas e realçou a capacidade das empresas “de exportar a atividade das suas empresas e descobrir o mundo”.

Numa conferência organizada pela Crédito y Caución Portugal e pela Iberinform, que teve lugar no Hotel Iberostar, o antigo ministro falou da necessidade de os empresários portugueses serem mais “dinâmicos, criativos e inovadores” para sobreviverem na era da globalização. “Neste contexto os investidores encontram muito mais oportunidades, mas ao mesmo tempo novos riscos. Por isso, triunfar neste contexto imprevisível apenas se consegue sendo flexível”, sublinhou.

Paulo Portas defendeu que a era da globalização e da digitalização provocou uma mudança na balança de poder, virada agora para o Oriente, Pacífico e para a China. O ex-governante indica que “existe uma globalização económica, mas continua a não haver uma nova ordem política adaptada à transformação global” e daí que o Ocidente reaja com políticas protecionistas.

No entanto, Paulo Portas destacou que, nos últimos anos, a economia portuguesa “aumentou e fortaleceu o seu setor de exportações e que foi capaz de participar de forma ativa na criação de investimentos europeus e extraeuropeus”.

Recomendadas

Mais do que o mercado global, a imigração digital estimula as economias locais

Atualmente, a maior parte da inovação ocorre de forma colaborativa e a mobilidade global das pessoas tem sido um fator importante no aumento do número de polos criativos.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quarta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quarta-feira.

Turismo. Hóspedes e dormidas em outubro superam em mais de 5% o registo pré-pandemia

O mercado interno contribuiu com 1,8 milhões de dormidas (-2,7% face ao mesmo mês do ano passado), ao passo que os mercados externos somaram 4,9 milhões (+37,3%).
Comentários