PCP sobre CGD: Governo PSD/CDS-PP escondeu “problemas debaixo do tapete”

O deputado comunista Miguel Tiago defendeu que o executivo anterior não terá usado todos os mecanismos à disposição para “esconder problemas debaixo do tapete” e destacou a “incongruência” entre as atitudes do PSD enquanto governo e aquilo que tem defendido enquanto oposição

Caixa Geral de Depósitos

O PCP acusa o anterior governo de “falta de zelo e incumprimento da lei”, em reação ao relatório do Tribunal de Contas (TdC) hoje divulgado, que aponta falhas ao controlo da Caixa Geral de Depósitos (CGD) entre 2013 e 2015. O deputado Miguel Tiago disse, à imprensa, que o comportamento do governo PSD/CDS-PP evidenciado pelo relatório do TdC “mimetiza o comportamento que teve também com o Banif” e que terá conduzido à resolução do banco.

O deputado comunista defendeu que o executivo anterior não terá usado todos os mecanismos à disposição para poder “esconder problemas debaixo do tapete” e destacou a “incongruência” entre as atitudes do PSD enquanto governo e aquilo que tem defendido enquanto oposição, em referência às declarações de Maria Luís Albuquerque proferidas esta manhã.

A ex-ministra das Finanças disse, hoje, em relação ao relatório do TdC, não entender em que contexto a Inspeção Geral de Finanças poderia ter acrescentado “transparência ou melhor controlo”  sobre o banco público, uma vez que este, “sendo uma entidade do setor financeiro, tem exigências muito superiores”. A deputada social-democrata assegurou que a aprovação das contas da CGD era feita com toda a informação “necessária” e que todas as atividades do banco foram acompanhadas pelo Banco de Portugal, pelo Banco Central Europeu, pelo Mecanismo Único de Supervisão e pela Direção Geral da Concorrência.

Relacionadas

CDS-PP acusa António Costa de “lançar boatos” sobre a Caixa

A deputada Cecília Meireles, do CDS-PP, defendeu que António Costa voltou a gerir “de forma inacreditavelmente irresponsável o dossiê da CGD”.
Recomendadas

Líder da Fretilin propõe relação mais económica entre Portugal e Timor-Leste

Em entrevista à Lusa em Lisboa, Mari Alkatiri explicou que esse tem sido o tema das conversas com políticos portugueses, entre os quais o Presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, defendendo uma relação multilateral do quadro da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Revista de imprensa nacional: as notícias que estão a marcar esta quarta-feira

“Governo vai mexer nos escalões do IRS no próximo ano”; “Polícias proibidos de disparar com balas reais contra multidões”; “22 mil milhões de euros para a banca”

Dívida pública federal dos EUA supera 31 biliões de dólares

Aproximando-se do limite legal de 31,4 biliões – um limite artificial colocado pelo Congresso à capacidade de endividamento do governo federal -, a dimensão da dívida confronta uma economia que enfrenta uma inflação elevada, taxas de juro em crescendo e um dólar forte. 
Comentários