Pequeno no tamanho, Grande na missão. Hoje é o Dia Internacional da Prematuridade

“XXS – XXL: Pequeno no tamanho. Grande na Missão” é a campanha de apelo lançada pela Associação Portuguesa de Apoio ao Bebé Prematuro, no dia em que se assinala o Dia Internacional da Prematuridade.

Portugal vê nascer, por ano, nove mil bebés prematuros. Destes nove mil, 10% ficam internados, em média, dois meses em Unidades de Cuidados Intensivos. Nove em cada 100 bebés nascem com menos de 37 semanas de gestação, e 1% dos recém-nascidos tem um peso inferior a 1.500 gramas. Os prematuros representam 1/3 da mortalidade infantil no país.

Hoje, dia 17 de novembro, é o dia em que se celebra o Dia Internacional da Prematuridade e sob o mote “XXS – XXL: Pequeno no tamanho, Grande na missão”, a XXS – Associação Portuguesa de Apoio ao Bebé Prematuro lança uma campanha onde pretende alertar para a realidade dos nascimentos prematuros e contribuir para dotar as Unidades de Cuidados Intensivos Neonatais do país de equipamentos necessários e adequados a estes bebés, para a promoção do vínculo afetivo com os pais.

A Associação apela, também, às pessoas e empresas que ajudem na angariação de material de conforto e promoção de vínculo afetivo necessário para os cuidados neonatais, como máquinas de extração de leite, kit de ninho, cadeirões e bandas ‘kanguru’. No site da Associação encontra-se, ainda, disponível uma lista de hospitais e o tipo de material necessário.

Fazem parte desta campanha cerca de 20 hospitais nacionais, como o São Francisco Xavier, o Centro Materno Infantil do Norte, o Hospital de Faro e o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra.

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quinta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quinta-feira.

Sindicato dos Jornalistas critica ministro do Ambiente (com áudio)

Em causa está a recusa em prestar comentários aos jornalistas durante a 5.ª edição do Portugal Mobi Summit.

Revista de imprensa nacional: as notícias que estão a marcar esta quinta-feira

“Há mais hospitais a falhar tempos de espera para consultas de saúde mental”; “Máfia dos passaportes na mira da Polícia”; “Nigéria falha quatro entregas de gás natural a Portugal”
Comentários