Perdas do Goldman Sachs atingem Wall Street no arranque da sessão

No início da sessão, o S&P 500 desce 0,05%, para 3,997.38 pontos, o tecnológico Nasdaq desvaloriza 0,18%, para 11,059.69 pontos, e o industrial Dow Jones diminui 0,38%, para 34,171.94 pontos.

Reuters

A bolsa de Nova Iorque abriu a sessão desta terça-feira, 17 de janeiro, com um sentimento negativo provocado pela quebra nos lucros do Goldman Sachs no terceiro trimestre de 2022, ao qual se junta o pessimismo sobre a recuperação económica da China.

No início da sessão, o S&P 500 desce 0,05%, para 3,997.38 pontos, o tecnológico Nasdaq desvaloriza 0,18%, para 11,059.69 pontos, e o industrial Dow Jones diminui 0,38%, para 34,171.94 pontos.

O Goldman Sachs arrancou a sessão a cair 2,70% nas negociações da bolsa depois do banco ter divulgado uma queda maior do que a esperada de 69% no lucro trimestral devido a perdas elevadas nos seus negócios de consumo e uma quebra nas negociações.

“Wall Street iniciou a sessão em território negativo, após a divulgação de que o índice do Empire Manufacturing, que mede a atividade industrial em Nova-Iorque, registou uma degradação inesperada, que tem como ponto negativo a queda na leitura de novas encomendas, mas poderá ter como positivo o facto dos preços pagos e recebidos pelos fabricantes naquele estado da FED terem recuado, indicando que as pressões inflacionistas estão a abrandar a montante da cadeia”, refere o analista de mercado do Millenium investment banking, Ramiro Loureiro.

Por sua vez, o Morgan Stanley superou as estimativas dos analistas para o lucro do quarto trimestre, uma vez que os negócios comerciais do banco de investimento receberam um impulso da volatilidade do mercado, compensando o impacto da lentidão nas negociações. As ações do banco estão a valorizar 4,43%.

Nesta altura, os investidores também aguardam os dados económicos sobre as vendas de retalho no final da semana, bem como comentários de autoridades da Reserva Federal na procura de pistas sobre a postura da política monetária do banco central.

Na China, as ações listadas nos EUA, como JD, Baidu Inc e Bilibili Inc caíram entre 2,4% e 2,6% depois da China ter revelado que o crescimento económico em 2022 caiu para um dos seus piores níveis em quase meio século.

Recomendadas

Jerónimo Martins perde mais de 4% e empurra PSI para o ‘vermelho’

Dona do Pingo Doce e Recheio está a perder mais de 4% na abertura da Bolsa de Lisboa, pressionando uma abertura em terreno negativo.

JE Bom Dia. Fed deverá abrandar subida dos juros

Bom dia. Com a inflação a dar sinais de descida, o presidente da Fed, Jerome Powell, deverá anunciar uma subida mais contida dos juros. Em Wall Street, prossegue a época de resultados.

Topo da Agenda: o que não pode perder nos mercados e na economia esta quarta-feira

Com a inflação em clara descida, tanto pelo índice de preços no consumidor, como pelo índice de gastos pessoais de consumo, a medida de referência para a Reserva Federal, o mercado tem agora firme confiança numa subida de apenas 25 pontos base (p.b.) nos juros dos EUA.
Comentários