Periquita By António Zambujo: Prazer em duplicado

Se o vinho solta as cordas vocais, talvez este Periquita Edição Especial António Zambujo nos ensine a cantar melhor.

O vinho, em si, é uma surpresa, já que não é todos os dias que uma marca de vinhos se alia a um músico. O que é estranho, porque ambos ficam muito melhor na companhia do outro.

Com o bónus de ter, adquirindo esta edição, acesso a um código para descarregar gratuitamente o novo álbum de António Zambujo, Rua da Emenda.

Surpreendente também é que a iniciativa parte daquele que é “O mais antigo vinho de mesa em Portugal”. O Periquita vem já de 1850 e foi também um dos primeiros a ser engarrafados. Nas palavras de António Soares Franco, 6ª geração à frente da José Maria da Fonseca, “o vinho faz parte da história e do nosso dia-a-dia e da portugalidade, e é isso que estamos hoje a celebrar”.

Porque este Periquita by António Zambujo chega hoje ao mercado, mas esperam-se muitas mais iniciativas desta parceria feita de prazer.

Recomendadas

Desvendar o enigma Aurélia de Souza

Uma mulher livre e uma artista que cultivou a liberdade. Das suas convicções e visão do mundo, sem deixar de ser fruto do seu mundo e tempo. Aurélia de Souza de seu nome, é o cerne da exposição “Vida e Segredo” no Museu Nacional Soares dos Reis, no Porto.

“Modo goblin”. A recém-eleita ‘palavra’ de 2022 da Oxford espelha o peso da realidade

O termo refere-se a “um tipo de comportamento que é assumidamente autoindulgente, preguiçoso ou desleixado, tipicamente de uma forma que rejeita normas ou expectativas sociais”. “Dado o ano que estamos a viver, o ‘modo goblin’ ressoa em todos nós que estamos um pouco sobrecarregados neste momento”, disse Grathwohl, citado pelo “The Guardian”.

PremiumNancy Pelosi: o render da guarda da guardiã dos velhos democratas

Devidamente independente para uns, demasidado independente para outros, a “louca Nancy Pelosi”, como Trump lhe chamava, é apenas dois anos mais velha que Joe Biden
Comentários