Peso da dívida pública deverá cair para 116,2% do PIB em 2020

O Executivo liderado por António Costa confirma assim a projeção que constava no esboço orçamental enviado em outubro à Comissão Europeia.

O peso da dívida pública deverá descer para 116,2% em do Produto Interno Bruto (PIB) em 2020, de 119,3% este ano, segundo a proposta do Orçamento do Estado entregue pelo Governo ao Parlamento esta segunda-feira.

O Executivo liderado por António Costa confirma assim a projeção que constava no esboço orçamental enviado em outubro à Comissão Europeia.

“Em 2020 estima-se que o rácio da divida pública se mantenha, pelo quinto ano consecutivo, numa trajetória descendente”, referiu o Governo, na proposta. “Prevê-se uma redução de 2,7 pontos percentuais (p.p.), atingindo-se um rácio de 116,2% do PIB”.

“Para esta diminuição concorre a evolução positiva do saldo primário, cujo contributo positivo se estima em 3,2 p.p., do crescimento do PIB nominal com um contributo estimado de 3,8 p.p. e, em sentido contrário, com um contributo negativo, a despesa com juros”, adiantou.

O ajustamento défice-dívida deverá contribuir para o aumento da dívida pública em 2020 em 1,3 p.p. Neste último, incluem-se os depósitos das administrações públicas, que se prevê que registem uma diminuição para 6,9% do PIB em 2020

Recomendadas

CEO da EDP diz que Portugal tem sido “exemplo de estabilidade” nos preços para as famílias

Em declarações aos jornalistas durante uma visita a um parque solar flutuante em Singapura, o CEO da EDP disse que a evolução dos preços em Portugal, incluindo um aumento médio de cerca de 3% do valor global da fatura de eletricidade dos clientes residenciais da EDP Comercial a partir de janeiro, “é uma coisa perfeitamente estável face ao enquadramento que existe”.

Topo da Agenda: o que não pode perder nos mercados e na economia esta quarta-feira

A União Europeia deverá divulgar na quarta-feira dados concretos sobre a evolução do emprego no terceiro trimestre deste ano. O indicador é importante na definição da estratégia de política monetária daqui para a frente, já que historicamente sinaliza (ou não) um cenário de recessão – uma preocupação que tem estado na agenda dos bancos centrais.

Adjudicados últimos seis lotes do concurso para fornecimento de serviços à rede SIRESP

O concurso para fornecimento de serviços à rede de emergência SIRESP foi concluído na segunda-feira, antes do prazo, com a adjudicação dos restantes seis lotes, anunciou hoje a empresa que gere o sistema.
Comentários