PIB espanhol deverá crescer 0,8% no último trimestre de 2017

O desempenho da economia no último trimestre de 2017 está em linha com o trimestre anterior, apesar da crise na Catalunha. Exportações justificam crescimento.

O Banco de Espanha estima que a economia espanhola crescerá 0,8% no quarto trimestre deste ano, a um ritmo idêntico ao verificado no trimestre imediatamente anterior.

No relatório trimestral, hoje divulgado, o banco central aponta que esta evolução do produto interno bruto é resultado de duas forças “que operam em direções opostas”: por um lado, a incerteza na Catalunha, por outro, o desempenho das exportações.

“O fortalecimento dos mercados de exportação terá contrariado os efeitos adversos do aumento da incerteza devido à situação política na Catalunha”, justifica o documento.

O Banco de Espanha considera que os efeitos adversos da incerteza na Catalunha ter-se-ão concentrado sobretudo nessa região autónoma, que regista um abrandamento do crescimento no quarto trimestre, não afetando o consumo e o investimento no resto do país.

 

Recomendadas

Adjudicados últimos seis lotes do concurso para fornecimento de serviços à rede SIRESP

O concurso para fornecimento de serviços à rede de emergência SIRESP foi concluído na segunda-feira, antes do prazo, com a adjudicação dos restantes seis lotes, anunciou hoje a empresa que gere o sistema.

Há um “caminho longo” a percorrer no envelhecimento ativo, diz a ministra da Coesão Territorial

“Sabemos hoje mais sobre as maleitas dos mais velhos e sabemos como as evitar”, sublinhou Ana Abrunhosa, reiterando que “todos queremos envelhecer com qualidade”.

Apoio às famílias pode mitigar desaceleração da economia, prevê Fórum para a Competitividade

O pacote de apoios preparado pelo Governo como resposta à inflação pode mitigar a desaceleração da economia, mas o próximo ano apresenta-se repleto de riscos de desafios. Salários reais devem voltar a cair, prevê o Fórum para a Competitividade.
Comentários