Pinhais lança edição comemorativa da abertura do Museu-Vivo “Conservas Pinhais Factory Tour”

Para assinalar a abertura do “Conservas Pinhais Factory Tour”, primeiro Museu-Vivo da indústria conserveira em Portugal, a centenária Pinhais, lançou uma edição comemorativa de conservas de sardinhas artesanais, tomate e azeite, também com a variante picante, para os amantes de especiarias.

Para assinalar a abertura do “Conservas Pinhais Factory Tour”, primeiro Museu-Vivo da indústria conserveira em Portugal, a centenária Pinhais, lançou uma edição comemorativa de conservas de sardinhas artesanais, tomate e azeite, também com a variante picante, para os amantes de especiarias. Desenvolvido pela Snap Creative Agency, esta gama premium denominada Selection Pinhais, trata-se de uma edição limitada.

A litografia das latas vai buscar inspiração ao “Art Déco”, estilo estético que surgiu nos anos 20 do século passado, período referente à fundação da Pinhais. Conjuga elementos que estão materializados na sua relação histórica com o mar, como a imagem icónica do pescador e da sardinha, ícone incontornável da marca.

Carlos Sant´ana, diretor criativo da Snap Creative Agency, refere que “A nova gama premium apresenta-se com uma imagem cuidadosamente sofisticada com formas depuradas, geométricas e elementos náuticos, numa homenagem à origem e natureza da marca, sempre ligada ao mar e a quem nele trabalha. Uma revisitação que homenageia os seus elementos identitários, pelos quais são apreciados e reconhecidos em todo o mundo.”

Já Patrícia Sousa, diretora de marketing da Pinhais, sublinha “A edição Selection Pinhais tem como objetivo celebrar a concretização de um sonho de muitos anos, a abertura do nosso Museu-Vivo. Falamos de um marco muito importante para toda a família Pinhais e que quisemos assinalar com o lançamento de uma edição limitada, totalmente diferenciadora.”

A responsável acrescenta ainda que “As sardinhas presentes nas nossas latas têm todas como origem a Lota de Matosinhos, sendo apenas selecionadas e enlatadas as sardinhas mais nobres e mais saborosas, as do final da época de pesca. Trata-se de escolher para esta edição especial apenas o produto mais nobre, as sardinhas mais saborosas.”

Recorde-se que o Museu-Vivo “Conservas Pinhais Factory Tour” é um pioneiro da indústria conserveira, vocacionado para perpetuar o legado desta indústria viva, dar a conhecer o património material e imaterial e salvaguardar e valorizar a sua memória. Com instalação na fábrica da Pinhais, este é um projeto único no panorama do turismo nacional e internacional, que proporcionará uma verdadeira experiência imersiva sobre todas as fases do método de produção tradicional, que se mantém inalterado desde 1920. Além de descobrir a fábrica e o seu espólio, cada visitante é convidado a embrulhar a sua própria lata, usando as técnicas das artesãs. As visitas incluem ainda uma degustação e uma passagem pela loja que reúne conservas e peças de coleção.

Edição Selection Pinhais sardinha em azeite
Recomendadas

Desvendar o enigma Aurélia de Souza

Uma mulher livre e uma artista que cultivou a liberdade. Das suas convicções e visão do mundo, sem deixar de ser fruto do seu mundo e tempo. Aurélia de Souza de seu nome, é o cerne da exposição “Vida e Segredo” no Museu Nacional Soares dos Reis, no Porto.

“Modo goblin”. A recém-eleita ‘palavra’ de 2022 da Oxford espelha o peso da realidade

O termo refere-se a “um tipo de comportamento que é assumidamente autoindulgente, preguiçoso ou desleixado, tipicamente de uma forma que rejeita normas ou expectativas sociais”. “Dado o ano que estamos a viver, o ‘modo goblin’ ressoa em todos nós que estamos um pouco sobrecarregados neste momento”, disse Grathwohl, citado pelo “The Guardian”.

PremiumNancy Pelosi: o render da guarda da guardiã dos velhos democratas

Devidamente independente para uns, demasidado independente para outros, a “louca Nancy Pelosi”, como Trump lhe chamava, é apenas dois anos mais velha que Joe Biden
Comentários