Galp. Há petróleo em águas profundas em Pontiguar

Galp Energia confirma a descoberta de petróleo em águas profundas no Poço Pitu Norte, localizado na bacia de Pontiguar, no Brasil.


Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

A Galp Energia confirmou a descoberta de petróleo em águas profundas no Poço Pitu Norte, localizado na bacia de Pontiguar.

Em informação enviada à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Galp Energia informa que “a perfuração do poço de extensão Pitu Norte confirmou a descoberta de petróleo na área de Pitu (Bloco BM-POT-17), em águas profundas da bacia de Potiguar”.

A petrolífera recorda que a descoberta de petróleo na área de Pitu foi inicialmente comunicada ao mercado a 17 de dezembro de 2013.

A bacia de Pontiguar é uma bacia sedimentar brasileira localizada no nordeste do país, ao longo da costa do estado do Rio Grande do Norte e do estado do Ceará.

“O poço 3-BRSA-1317-RNS, informalmente conhecido como Pitu Norte, é o primeiro poço de extensão na área do Plano de Avaliação da Descoberta (PAD) de Pitu, a cerca de 60 km do litoral do Estado do Rio Grande do Norte, e a uma profundidade de água de 1844 metros, com profundidade final de 4200 metros”, descreve a empresa cujo conselho de administração é liderado por Américo Ferreira de Amorim.

A informação enviada à CMVM acrescenta que !a descoberta foi comprovada por meio de análise de perfis e de resultados de pré-testes, sendo que as amostras de fluido obtidas no poço serão posteriormente analisadas em laboratório”.

O consórcio dará continuidade às operações conforme estabelecido no Plano de Avaliação da Descoberta, aprovado pela Agência Nacional de Petróleo (ANP), acrescenta o documento.

Através da subsidiária Petrogal Brasil, a Galp Energia tem uma participação de 20% no consórcio que explora o BM-POT-17, cabendo as restantes participações à operadora Petrobras (40%) e à BP (40%).

OJE

Recomendadas

AdC acusa Cabelte, Quintas e Quintas e Solidal de cartel em contratação pública lançada pela REN

AdC acusa as empresas fornecedoras de cabos de Muito Alta Tensão de acordo anticoncorrencial em procedimentos de contratação pública, num concurso lançado pela REN.

Ibersol com lucros de 14,6 milhões de euros até setembro

A Ibersol registou nos primeiros nove meses deste ano lucros consolidados de 14,6 milhões de euros, que comparam com prejuízos de mais de 20 milhões de euros no período homólogo.

Greve na CP e IP suprimiu 701 comboios até às 18h00

A greve dos trabalhadores da CP – Comboios de Portugal e da Infraestruturas de Portugal (IP) levou à supressão de 701 comboios da CP entre as 00h00 e as 18h00.