PJ deteve suspeito de duas tentativas de homicídio ocorridas na Figueira da Foz

Um homem de 31 anos foi detido por ser suspeito de duas tentativas de homicídio ocorridas junto de um espaço de diversão noturna da cidade da Figueira da Foz, anunciou hoje a Polícia Judiciária (PJ).

Cristina Bernardo

Em comunicado, a PJ explicou que o homem foi detido “em cumprimento de mandado de detenção emitido pelo Ministério Público” e que é suspeito da “prática de dois crimes de homicídio qualificado, na forma tentada”.

Os factos ocorreram na madrugada de 31 de julho de 2021 e “estão relacionados com uma altercação entre dois grupos de indivíduos”, acrescentou.

Segundo a PJ, “o suspeito, munido de uma arma branca, desferiu vários golpes nos ofendidos”, de 19 e 25 anos, e provocou-lhes “diversas lesões ao nível torácico, da cara e pescoço, pondo em sério risco as suas vidas”.

O detido, que já tem antecedentes criminais, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial.

Recomendadas

Tribunal de Leiria condena homem a 10 anos de prisão por abuso sexual de enteadas

O Tribunal Judicial de Leiria condenou um homem a 10 anos de prisão por cinco crimes de abuso sexual de criança agravados, de que foram vítimas duas irmãs, suas enteadas, segundo o acórdão hoje consultado pela agência Lusa.

Processo que envolve direção do Benfica em segredo de justiça

Os advogados do Benfica referiram hoje que o processo em que a SAD e membros do Conselho de Administração do mandato 2016-2020 foram constituídos arguidos está em “segredo de justiça” e que a divulgação “pode constituir ilícito criminal”.

Fenprof vai fazer queixa ao Ministério Público por alegado abuso de serviços mínimos

A Federação Nacional de Professores (Fenprof) anunciou hoje que vai apresentar queixa no Ministério Público contra diretores escolares que “estão a querer impor serviços mínimos a reuniões sindicais”.
Comentários