Polícia alemã diz ter impedido ataque armado da extrema-direita ao parlamento

Os procuradores disseram, em comunicado, que os detidos são suspeitos “de terem feito preparativos concretos para entrarem violentamente, com um pequeno grupo armado, no Bundestag”, a câmara baixa do parlamento alemão.

4 – Alemanha

A Procuradoria-geral da Alemanha anunciou hoje ter desmantelado uma célula de um grupo de extrema-direita que planeava ataques armados, incluindo contra o parlamento, numa operação que levou à detenção de 25 pessoas.

Os procuradores disseram, em comunicado, que os detidos são suspeitos “de terem feito preparativos concretos para entrarem violentamente, com um pequeno grupo armado, no Bundestag”, a câmara baixa do parlamento alemão.

Cerca de três mil agentes participaram na operação policial, que incluiu buscas em 130 locais em 11 dos 16 estados da Alemanha, contra o movimento Cidadãos do Reich.

O grupo, que rejeita a Constituição implementada depois da Segunda Guerra Mundial e apela ao derrube do governo, terá sido formado em 2021.

A Procuradoria-geral da Alemanha disse que 22 alemães foram detidos sob suspeita de “filiação numa organização terrorista”. Três outras pessoas, incluindo um russo, são suspeitas de apoiar a organização.

Uma pessoa foi detida na cidade austríaca de Kitzbuehel e outra na cidade italiana de Perugia, referiu ainda o comunicado.

De acordo com o jornal alemão Der Spiegel, as buscas incluíram o quartel da KSK, a unidade de forças especiais da Alemanha, na cidade de Calw, no sudoeste do país.

A KSK já tinha sido alvo de investigação no passado devido a alegadamente ter entre os soldados simpatizantes da extrema-direita.

Os membros do Cidadãos do Reich acreditam numa “série de teorias da conspiração”, incluindo a “ideologia QAnon”, segundo os procuradores alemães.

QAnon é o nome de perfil de um utilizador anónimo que publicou, num fórum da Internet, informações falsas, nas quais alegou ter acesso a dados de agências de segurança dos Estados Unidos sobre um grupo liderado por uma elite corrupta formada por pedófilos satanistas que sequestravam e sacrificavam crianças.

Esta teoria tem muitos adeptos no Partido Republicano norte-americano.

Recomendadas

PremiumLeia aqui o Jornal Económico desta semana

Esta sexta-feira está nas bancas de todo o país a edição semanal do Jornal Económico. Leia tudo na plataforma JE Leitor. Aproveite as nossas ofertas para assinar o JE e apoie o jornalismo independente.

Mali. ONU lança apelo por 688 milhões de euros para ajudar 5,7 milhões de pessoas

A Organização das Nações Unidas (ONU) lançou hoje um apelo por 751 milhões de dólares (688 milhões de euros) para dar resposta às necessidades urgentes de 5,7 milhões de pessoas no Mali.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quinta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quinta-feira.
Comentários