Portugal é um dos países favoritos dos turistas da América do Sul para viajar

Já os europeus preferiram o México, Cuba, República Dominicana e Brasil em 2017. O Fórum Global sobre Estatísticas do Turismo bianual, organizado pelo Eurostat e pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico, decorre entre esta quarta e sexta-feira na América Latina pela primeira vez.

Portugal é o quinto país da União Europeia para onde os turistas da América Central e do Sul mais viajam. Só no ano passado, estes turistas passaram quase 30 milhões de noites em estabelecimentos de alojamento turístico em todo o bloco europeu, 2,6 milhões das quais em Portugal (sobretudo brasileiros). Antes das cidades e praias portuguesas só as de Itália (6,5 milhões de noites), de Espanha (6,4 milhões), do Reino Unido (4,7 milhões) e de França (3,4 milhões) conquistaram estes viajantes, de acordo com os dados divulgados esta quarta-feira pelo Eurostat.

“Embora os residentes da União Europeia viajem em grande parte para destinos europeus (94% de todas as viagens turísticas), em 2017 eles também fizeram mais de 50 milhões de viagens para destinos fora da Europa. O continente preferido foi a América (19,4 milhões de viagens), seguido de perto pela Ásia (17 milhões de viagens)”, refere o gabinete de estatísticas europeu.

Quanto aos residentes na União Europeia, deslocaram-se 6,7 milhões de vezes para a América Central e do Sul em 2017, o que representa uma média superior a 18 mil viagens diárias e 13,7 mil milhões de euros gastos.

Para que países da América Central e do Sul viajaram os europeus?

  • México (17% de todas as viagens nesta zona do continente americano)
  • Cuba (14%)
  • República Dominicana (13%)
  • Brasil (12%)

O propósito da divulgação destes números é o facto de o Fórum Global sobre Estatísticas do Turismo bianual, organizado pelo Eurostat e pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico, decorrer entre esta quarta e sexta-feira na América Latina pela primeira vez.

 

Relacionadas

Governo francês confirma aumento de impostos sobre combustíveis

O primeiro-ministro francês, Édouard Philippe, confirmou esta terça-feira a intenção do governo em aumentar os impostos sobre os combustíveis a partir de janeiro.
Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quinta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quinta-feira.

BdP aponta a crescimento de 6,7% e inflação de 7,8% este ano

As atualizações de outubro das projeções macro do banco central mostram revisões em alta em relação aos 6,3% de crescimento e 5,9% de inflação projetados em junho, com o consumo privado e o turismo a apoiarem a recuperação.

Vendas a retalho caem 0,3% na zona euro e 0,2% na UE em agosto

Comparativamente com o mês de agosto do ano passado, registaram-se quedas mais acentuadas, na ordem dos 2,0% e 1,3% respetivamente, de acordo com o Eurostat. Em Portugal, porém, a evolução foi positiva, quer face a julho do presente ano, quer face a agosto de 2021.
Comentários